CUIDADO - O PERIGO DA CERVEJA DE MILHO PARA A SUA SAUDE

Você com certeza já ouviu falar que as marcas de cerveja mais baratas e populares no Brasil, são na verdade feitas com milho.

São muitos os apelidos: água de milho é o mais utilizado pelos sommeliers, produtores de cerveja artesanal e cervejeiros em geral. .

As industrias fazem isso obviamente para baratear os custos do produto final e se manterem no mercado, e o resultado acaba sendo uma bebida que o brasileiro mais popular, se habituou a consumir, e chamar isso de cerveja. 

O correto de uma bebida que se intitula Cerveja, é aquela que leva em sua composição apenas 4 ingredientes: água, malte, lúpulo e fermento. E tudo bem se alguma cervejaria incluir mais algum ingrediente, para dar o seu toque especial, mas sem fugir muito disso. 

Mas estas grandes cervejarias nacionais que fazem essa água de milho, substituem boa parte do malte, por milho. E aí você pode até me dizer que já leu o rótulo da sua cervejinha, e lá não esta escrito que leva milho. Desculpe caro amigo cervejante, mas você está sendo enganado. 

Estas cervejarias já foram confrontadas várias vezes sobre isso, e a justificativa deles para não incluírem o milho ao rótulo, é a de que eles incluem o milho como sendo um ingrediente integrante do que eles registram no rótulo como "maltes tostados". O que na verdade é muito mais milho, do que realmente a cevada, trigo, ou qualquer outro malte comum e aceitável. 

Então até aqui você já sabe que eles fazem isso, e em grande quantidade, a ponto de descaracterizar a sua bebida, e que eles fazem isso para baratear o custo uma vez que o milho é muito mais barato que o trigo e a cevada. 

Mas por que isso pode ser um perigo para a sua saúde?

O grande problema, é que não só no Brasil, mas em muitos lugares, e especialmenteee no Brasil, o controle sobre os transgênicos é praticamente igual a zero. Não há nenhuma regulamentação e muito menos fiscalização sobre a produção de alimentos transgênicos, nem tampouco estudos aprofundados sobre o mal que isso pode trazer a saúde a longo prazo. Mas estudos preliminares já confirmaram que alimentos transgênicos podem se tornar entre outras coisas péssimas, altamente cancerígeno. 

Ok, dito isso e voltando ao assunto... Você em algum momento pensou que uma grande cervejaria que comete este absurdo de mudar tão radicalmente a receita da cerveja apenas para baratear o custo e mente pra você sobre isso, iria utilizar o que?

Um milho orgânico cultivado no quintal de uma comunidade de vovós fofas, naturebas e desapegadas? 


Claro que estas grandes cervejarias e industrias de alimentos em geral, usam e abusam dos transgênicos, que são muito mais baratos, por serem resultados de mutações genéticas que permitem uma produção absurdamente maior, e mais resistente. 

Aí, você vai lá, todo inocente, comprando a cervejinha mais barata do mercado, ou aquela que tem aquela gostosa no comercial, achando que só vai fazer mal se "beber sem moderação", ou se for dirigir, ou no máximo ao seu fígado a longo prazo?

Se liga, exija!

Ahhhh Gustavo, mas cerveja boa é cara!

Oi?

Ví um vídeo ainda hoje, de uma (pasmem) nutricionista falando exatamente sobre isso e exemplificando que as marcas Devassa, Eisenhan e Reineken, são marcas baratas no mercado (algo em torno de R$3,50 a R$4,50 a long neck ou lata) e que respeitam o consumidor mantendo a receita original e mais segura. 


Tudo bem, que uma água de milho pode custar R$1,50 e a outra R$4,50 e isso multiplicado por toda a quantidade que você gostaria de tomar, pode fazer a diferença, mas na boa? Se for pra economizar a este ponto, de não se importar com o sabor, ou se vai te fazer mal pra caceta, é melhor você então tomar pinga no boteco mais próximo que será muito mais barato, e menos prejudicial. 

Fica a dica:
Cervejas artesanais geralmente são ainda melhores que as industrializadas, porque geralmente não levam nenhum tipo de conservante ou outra química, mas atenção! Cervejarias pequenas possuem menor fiscalização, portanto procure sempre ler o rótulo com atenção, desconfie sempre de preços muito baixos, e prefira sempre degustar as artesanais de conhecidos seus, ou de marcas já mais conhecidas no mercado artesanal e gourmet. 

RECEITAS PARA QUEM É SENSIVEL AO GLÚTEN

Vou dar dicas e receitas para vocês que são sensíveis ao glúten como eu.

Infelizmente, descobri aos 29 anos, com o auxílio de um médico, que o meu inchaço abdominal noturno e excesso de gazes noturnos são na verdade uma sensibilidade ao glúten.

Na verdade, eu não conseguia imaginar isso antes, porque sempre que eu pesquisava, os sintomas estavam relacionados a também perda de peso, e intestino irritado. Mas ao contrario disso, meu intestino funciona perfeitamente, meu peso se mantem o mesmo a muitos anos, e apesar do incômodo do inchaço abdominal noturno, nunca senti dores, e não sei o que é sentir uma gastrite ou azia. 

Sem falar que por todo esse tempo eu pensava que os meus sintomas eram apenas resultado do fato de eu não conseguir arrotar nunca, por uma característica do meu corpo mesmo.

Mas com a ajuda de um bom gastro e muita pesquisa e testes amadores, descobrimos que eu não tenho a famosa intolerância ao glúten, nem alergia. Meu caso é sensibilidade ao danado. 

Numa proxima oportunidade eu explico certinho a diferença entre intolerância, alergia e sensibilidade, mas você também consegue encontrar essas informações facilmente no Google. 

Mas vamos la...

Restringir o glúten da sua dieta, pode parecer praticamente impossível no primeiro momento, porque você para e pensa que quase tudo o que você consome ou gostaria, tem glúten, e eu não vou te dizer que você encontrará substitutos para tudo isso. Pelo contrário, muitas coisas você deverá mudar, e não substituir por um "semelhante light". 

Receitas:
Para o café da manhã, obviamente nada de pães e bolachas que não sejam glúten free. Na duvida, prefira frutas, leite, chá, café, e queijo branco, iogurte...
Uma dica muito importante!!!
Nada de granola, pois todas contém aveia, e nada de aveia... Porque a bichinha é rica em glúten também. 
Se você for como eu, acostumado com os cereais industrializados, ou granola, e sem estes você não sabe de onde tirar tanta fibra para o seu intestino, experimente substituir todos os chás e cafés do seu dia, por 1 unica dose de leite ao dia, e nas demais oportunidades, sucos feitos com frutas ricas em fibras.
As dicas aqui são de combinações deliciosas e nutritivas para o seu suco:
Mamão (2 fatias) com uvas (5 a 7)
Mamão (2 fatias) com cenoura (meia)
Mamão (2 fatias) com laranja (1)
Abacaxi (50 a 100g) com couve (2 folhas) e maçã (1)
Abacate (1/4) ou avocado (1/2) com pêra (1)
*Todos levam um pouquinho de água, e como eu não gosto de acrescentar muito açúcar em nada, não senti falta do adocicado mais presente, mas se você gosta das coisas mais doces, procure adoçar com mel, adoçante, melado, mascavo, ou orgânico... Não pelo glúten, mas por frescura e calorias mesmo. 

Lanche da manhã, nada de barrinha de cereal, porque elas também contém aveia. Vá de frutas e iogurte, e os sucos também já estão liberados a essa hora. 

Para o almoço, saladas sem nada que possa ter sido feito com trigo ou aveia.
Prato principal, o nosso arroz com feijão é super bem vindo, acompanhado de qualquer carne e qualquer legume.
Sobremesa, prefira frutas, mas se o glúten for teu unico problema, tudo bem um docinho, desde que não leve farinha ou outro ingrediente que contenha glúten.
A dica aqui vai pra aqueles que sentirão muita falta de uma massa.
Experimente o nhoque, substituindo a farinha branca por fécula de batata, ou farinha de arroz. Fica até mais leve e mais saboroso!

Café da tarde, frutas, iogurte, um chá, um café, um queijo branco... Basicamente a mesma coisa do café da manhã, mas obviamente numa quantidade menor. 

Para os jantares em dias frios... Eu indico sopas.
Simmm.. abuse das sopas... E não vou te dar receitas de sopas porque é muito simples e todos tem a sua receita predileta, mas vou te dar algumas dicas... Não utilize nenhum tipo de macarrão na sua sopa, e não coma ela com pães e croutons ou torradas. Todos estes, ou pelo menos os mais comuns, são feitos de farinha, e mesmo os integrais contém glúten, então, ou faça a abolição destes, ou prefira aqueles comprados em lojas especializadas e caras, com o selo Glúten Free. 

Já para os dias mais quentes, se você é daqueles como eu que preferem um lanchinho ou uma coisa mais leve no jantar, substitua os pães normais por pães Glúten Free, ou uma dica bacana, é utilizar o pão de centeio. Ele pode até conter traços de glúten, mas lembre-se... Se o seu caso é sensibilidade, então uma mísera quantidade não vai te matar, e será assintomática.
Abuse das saladas, mas tome muito cuidado com os molhos e queijos que você pensa em acrescentar. 
A dica aqui é sempre que possível, acompanhe sua salada com nozes, castanhas, alcaparras, parmesão, azeitonas, e tudo o que mais a sua imaginação permitir, sem o bendito. Cuidado com outros tipos de queijos!!!

Para a ceia... Chá está liberado, mas nada de torradinhas, bolachas (biscoitos se você for do Rio)... Opte por nada além do chá ou do seu leite, ou no máximoo uma ou 2 castanhas. 

Fica a última dica:
Não é querendo indicar remédio pra ninguém. Mas no meu caso... Como eu tenho apenas uma sensibilidade, então no final de semana eu me permito comer uma pizza, ou outra comida comum, com os familiares e amigos. Até aquela cervejinha, que é altamente proibida para quem tem restrições ao glúten em qualquer intensidade, eu me arrisco.
Claro que normalmente, eu incharia a noite... mas sabendo disso, eu quando começo os meus abusos, 15 minutinhos antes de começar eu já tomo um digestivo porreta. No meu caso eu tomo o Digesplus.
Consulte o seu médico e converse sobre essa possibilidade você também! ;)

VOCE CONHECE OS DIFERENTES TIPOS DE BACON?

FOOD LOVE COMFORT

*Fonte: A postagem de hoje é um oferecimento do blog http://menudobacon.blogspot.com.br.

Falar sobre isso é interessante, não só apenas por ser sobre um produto delicioso e que eu adoro, mas também porque vamos cutucar algumas receitas tradicionais do preparo do Bacon. 

Diferente do que sugere as piadas alá Marcos Mion, onde o bacon seria o bumbum, a grande maioria das pessoas sabem que o bacon é na verdade um corte especial da barriga suína, posteriormente curada e então defumada. 

Na verdade, o bacon mais nobre, é de uma área especial da barriga, mas atualmente se faz bacon de toda a barriga, também chamada de pancetta, além de outros cortes também. 

Mas as grandes diferenças entre os tipos de bacon, é que hoje em dia, se esqueceu um pouco de se fazer bacon apenas com estes corte, e passou-se a considerar que bacon pode ser qualquer outra parte semelhante do porco, desde que se faça o mesmo processo de cura e defumação. 

Pra ser sincero, os diferentes cortes até tem um sabor que se assemelha, mas suas texturas e indicações são completamente únicos. 

Vamos começar pelo mais tradicional. 

O Bacon de Barriga
Este é o tipo de bacon mais tradicional. Feito idealmente por partes iguais de carne e gordura, incluindo gordura marmorizada na carne, e couro (este, dispensável). A ideia de se fazer bacon com outras partes do porco é aproveitar outras partes não tão nobres, e também oferecer um produto semelhante, mas teoricamente mais light. 


O Bacon de Paleta
Geralmente um bacon de espessura mais fina, não possui o tradicional couro, e não tem um custo tão elevado como o bacon de lombo, e também tem um ótimo sabor, textura, e quantidade ideal de gordura, na minha opinião. 

O Bacon de Lombo
Este é um bacon mais phyno. 
Geralmente tem apenas de 5 a 10% de quantidade de gordura, que inclusive não é marmorizada. 
O sabor deste bacon se assemelha ao original, e é uma boa opção light da iguaria, mas na minha opinião, resulta em um bacon mais duro, e mais ressecado. 
Ah, e o preço dele é bem acimado comum. 

Fica a dica:

Bacon é sempre Bacon, e como sempre soubemos, ele é rico em gordura, e eleva nossas taxas de colesterol, e como recentemente ficamos sabendo, eleva também sua predisposição para desenvolvimento de câncer. Mas vem cá... O ar da cidade grande dá câncer, o cigarro, o álcool, e até verduras e legumes podem conter produtos que aumentam sua predisposição pro câncer, entre outras coisas, então bora lá comer o bacon com gosto e sem culpa. Só não precisa ser todo dia, ok?

ALMONDEGAS DE RICOTA COM ESPINAFRE



Que tal as almondegas mais lights que você já comeu na sua vida???

Almondegas macias, gostosas, saborosas, e saudáveis? 
Sim.. essas são!

É... decepciona na primeira garfada, aqueles que esperam aquele sabor de carne suculenta... da aquele choque, mas logo você se sente novamente no limbo do prazer com o sabor dessa versão mais light das bolotas italianas. 

Confesso que a receita que vou descrever não é exatamente a da foto. 
Senti que algumas coisas poderiam melhorar, então a receita que segue já seria um upgrade, ou uma versão 2.0 melhorada, do que já ficou deliciosamente gostoso, como vocês podem ver na foto.

Pra não fugir da proposta, servimos com talharim de abobrinha, que nada mais é do que a abobrinha passada pelo descascador de legumes, e refogada no azeite com temperos básicos, e molho pronto com um pouco mais de cebola bem picada, e uns tomates picados, só pra ficar com mais sabor, e mais rústico, sabe?! 


Ingredientes:
500gr de Ricota fresca.
300gr de Espinafre bem picado
2 ovos
Aveia em farinha ou em farelo. 
Temperos a gosto. 


Modo de Preparo:
Processe ou amasse toda a ricota, e acrescente o espinafre ja cozido, e muito bem escorrido, picadinho. 
Acrescente também todos os demais ingredientes, menos a aveia. 
A aveia vai ser a responsável por dar uma liga melhor para sua almondega. O ovo já dá uma liga em tudo, mas a aveia vai garantir que ela não desmanche durante o preparo. 
Misture tudo, por aproximadamente uns 3 a 5 minutos, e então comece a acrescentar a aveia até obter uma massa mais densa.
Molde suas almondegas.
Duas coisas que eu não fiz, mas poderia fazer, é acrescentar na massa algum tipo de queijo que derreta, ou mesmo como recheio, e também poderia empanar com ovo e farinha de rosca, ou melhor ainda, ovo e chia. Daria aquele aspecto marrom mais escurinho sabe? Tipooo uma fritura. 
Grelhe as almondegas em um fio de azeite até dourar, e depois mais 15 minutinhos de forno.

E estão prontas as almondegas mais lights que você ja comeu na sua vida!!!


Fica a dica: 
A ricota pode deixar o prato um pouco arenoso, portanto, dê preferencia para preparar estas almondegas acompanhando pratos com molho!
E como tempero, saia do básico para o prato ter mais vida! Quem sabe cúrcuma, curry, páprica....  ;)


ENTREVISTA - Lu Dukanrj - POR UMA VIDA MAIS DIVA

Luciana - Lu Dukanrj

E hoje inauguramos mais uma sessão em nosso blog. ENTREVISTAS.

Já temos entrevistas em edição com Chefs profissionais, empresários, Startup Managers, Trending Makers, entre outros...

E para começar, iniciaremos com o pé direito!

A entrevista de hoje é com a Luciana, do perfil do Facebook– Lu Dukanrj.

Glutona, dançarina, bibliotecária, casada, e mãezona de 2 boxers, conforme ela própria se descreve, também é a personalidade por trás do site e weblog – PorUmaVidaMaisDiva, da página de dietas LuDukanrj, e da página também no Facebook – Por Uma Vida Mais Diva.

A Luciana é uma estudiosa e praticante dos métodos Dukan. 

Se jogou de cabeça nos estudos e nesta jornada, e tem vivido isso tão intensamente, que resolveu compartilhar um pouquinho do seu conhecimento, experiencias e resultados, criando estas páginas de audiência tão exponencial.


Nos esbarramos na esfera virtual, falando sobre nossos trabalhos para a Internet, e desde então, imaginei que seria de grande valor para o TecnologiaeCozinha, uma entrevista com esta especialista sobre Dukan, um assunto que já foi tão recorrente por aqui.

Agora sim, vamos à entrevista:

Lu, vamos começar falando sobre uma grande alegria para você, que foi conhecer e praticar os seguimentos Dukan... Como você tomou conhecimento da metodologia, e o que fez você se aventurar nela?

A Dukan surgiu na minha vida depois de um comentário que todas as mães costumam fazer, afinal elas são bem sinceras né :P  “filha você esta muito gorda” hahaha.  Logo em seguida do comentário, ela me mostrou o livro e foi aí que tudo começou. É claro que uma declaração dessa feita por várias vezes aliada a problemas de coluna, dores no joelho, faz você parar pra pensar sobre a sua real situação de saúde. Foi aí que “a ficha caiu”. Em uma quarta-feira dia 03 de junho de 2013.


Você já havia tentado antes, alguma outra dieta, ou reeducação alimentar? Se sim, funcionou? Como foi sua experiência?

Já tentei tudo que você possa imaginar... Todos os remédios, todas as dietas e nunca deu certo. RA sempre foi complicado para mim por conta de restrição de calorias. Quem sobrevive com 1200 cal por dia???? Eu sou daquelas que gosta de um bom prato de “peão”.


Na sua opinião, bem pessoal, quais os pontos positivos, e quais os negativos da metodologia Dukan?

Pontos positivos: pra quem  é glutona como eu ( o que eu acho que é o caso da maioria dos gordinhos), dentro dos alimentos permitidos você pode comer a vontade, sem contar peso, calorias ou sequer ficar medindo o tamanho da palma da mão hahaha. Ir a uma churrascaria e comer um BOI INTEIRO!!! Isso é bem interessante não acha?
Pontos negativos: na semana de ataque tem muita gente que surta, não foi o meu caso. Há quem sinta falta das frutas, pois ele corta nas duas primeiras fases. Mas também aos meus olhos não fez falta. Meus exames de sangue estão maravilhosos. Enfim... Não acho, no meu ponto de vista, que tenha “pontos negativos”. Existem restrições como qualquer outro tipo de dieta e RA.


Você pessoalmente, encara “Dukan”, como uma educação alimentar, ou dieta?

Encaro a Dukan como estilo de vida.


Me diga, a quanto tempo você já pratica, e me conte sobre os resultados físicos, e psicológicos positivos e negativos, caso existam.

Virei praticante fiel.. de vez em quando dou umas escorregadas, mas isso faz parte, afinal não somos de ferro. Eliminei 19kg!!! Saúde física 100%, psicológica nem se fala!!! EGO LA NO CÉU!!! Não é a toa que criei meu site para espalhar minhas história e receitas para inspirar mais e mais seguidoras.


O Dr. Dukan tem se reciclado, e reciclado também seus ensinamentos, e você tem acompanhado de perto essa “evolução”. Qual a sua opinião sobre isso? Acha que esta realmente mudando/melhorando? E pra quem vai começar agora, você indicaria para este inicio os primeiros livros, ou já pode iniciar nos os ultimos?

Na verdade o ensinamento dele é sempre atualizado de acordo com novas pesquisas. Ele é médico e com certeza 100% capacitado para orientar pessoas no emagrecimento. O cara não ia jogar o nome dele no ventilador sem ter certeza das coisas que fala e sempre baseado em estudos, ÓBVIO. O livro indicado para todo mundo conhecer a dieta é o “Eu não consigo emagrecer”, que foi o primeiro a ser lançado. Os outros são acréscimos ou edições melhoradas como o “Método Dukan Ilustrado”. O que ele tem publicado, por exemplo são livros de receitas baseadas na dieta – “Receitas Dukan” e “Confeitaria Dukan”. O último lançamento foi o “60 dias com Dukan”, mas esse não é completo, ele só explica até a 2ª fase da dieta. Tenho todos os livros e sou super antenada em tudo de novo que aparece sobre a Dukan.


Existem muitos críticos ao Dukan, especialmente sobre os efeitos a longo prazo em relação à restrição de alguns grupos de alimentos, e o excesso de outros, inclusive por parte de Endócrinos experientes... Como você se posiciona nesta discussão?

Não tive problemas, conheço algumas “mil pessoas” que seguem a metodologia , todas me relatam melhora na saúde!!! O que acontece é que existem pessoas que já tem a saúde “prejudicada”, essas deveriam se orientar de forma melhor antes de começar qualquer dieta, independente de qual seja.  Sempre vão existir pessoas a favor e contra. Precisamos ter bom senso e sempre que possível ser orientados por alguém mais experiente, neste caso um endócrino ou uma nutricionista.


Sobre a sua página no Facebook também sobre o assunto, que por sinal anda crescendo e bombando... Por que você decidiu criar, e qual o feedback que você já teve dela até agora?
E quanto as pessoas que você já auxilia... A maioria conseguiu manter a disciplina e obter os resultados esperados?

Criei minha página http://porumavidamaisdiva.com.br, tenho o meu perfil da dieta no face Lu Dukanrj e criei também minha página no facebook “Por Uma Vida Mais Diva” exclusivamente com o objetivo de mostrar minha história, dividir minha experiência na dieta publicando receitas testadas e aprovadas, contando histórias de sucesso e etc. Eu acho que quando algo faz bem para gente, temos que espalhar pros quatro cantos do mundo e ajudar sempre. Tem muita gente que as vezes precisa escutar uma única palavra de apoio para mudar a vida. Estou aqui para isso.


E agora... Com os resultados do Dukan no seu corpo já garantidos, e sua página em franco crescimento, quais são seus próximos objetivos?

Boa pergunta... Depois de ser demitida no final do ano passado, com praticamente 13 anos de empresa, a Dukan pode estar abrindo novos caminhos para mim. Parece que nada esta sendo por acaso. Atualmente estou me empenhando em ajudar pessoas fazendo comidas e quitutes Dukan para vender. Eu sei o quanto é difícil fazer essas receitas, sei que muita gente não tem tempo e resolvi ajudar... Espero que de certo!!! Muitos projetos e novas esperanças!!!


Lu... Agora para finalizar... 

Você gostaria de deixar alguma mensagem para quem estiver interessado em iniciar, ou já estiver entre alguma fase, ou até mesmo aos críticos e céticos?

Os críticos e céticos foi SENSACIONALLLLL!!!! A verdade é que não existe receita certa. Tudo na vida é adaptável. Sou daquelas que ARRISCA, TENTA... Se não der certo, pelo menos tentei. Estou muito feliz e satisfeita com meu novo estilo de vida. O que eu diria pros que querem iniciar, TENTEMMMMMMM!!! Pros que estão no meio do caminho, PERSISTAMMMMMMMMM e pros críticos e céticos #porumavidamaisdiva!

NOVA DEGUSTAÇÃO - CERVEJAS MADALOSSO

No carnaval deste ano, resolvemos passar uns dias em Florianópolis – SP.
Eu sempre gostei de frio, inverno, e a namorida pelo contrário, sempre gostou mais do calor, sol, praia e tudo mais. 

Como na nossa ultima viagem fomos à Campos do Jordão – SP, que tem aquele friozinho montanhoso, prometi que na próxima, iríamos pra uma cidade tropical, uma praia, ou algo do tipo. Mas Por amar o frio, sempre me interessei pelo Sul do país, e ir para Florianópolis fez todo o sentido.

A cidade é lindíssima, e tem as melhores praias que já vi. Foi realmente uma viagem incrível.

Na volta, resolvemos passar por Curitiba, para almoçar. E como não conhecíamos nada por lá, resolvi pedir dicas aos amigos do Facebook.

Todos foram unanimes e indicaram o Madalosso.

É um restaurante muito bom realmente. Um casarão de estilo colonial, mas com muitos toques contemporâneos, com 4 mil lugares, e mesmo assim, uma boa filinha de espera.

Ele fica no bairro nobre de Curitiba chamado Santa Felicidade, famoso pela produção de vinhos de excelente qualidade, inclusive para exportação, e se repararmos na beleza do lugar, do bairro, do clima, e da comida... A fila de 50 minutos foi um sacrifício que enfrentaríamos quantas vezes fossem necessárias.

O restaurante é típico italiano, e por um preço bem acessível, oferece um rodízio de pratos típicos, com entradas inusitadas, como miúdos refogados, asas de frango fritas com alhos em lâminas, junto com um risoto... Entre outras coisas. Ahh, e sem esquecer que também oferece um bom vinho, de produção artesanal da família, e deliciosas sobremesas.

Mas, como não sou um fã apreciador de vinhos, e por outro lado, amo as cervejas, me interessei por provar as cervejas artesanais do lugar, e pra minha decepção, o garçom me informou que as cervejas artesanais não eram servidas no salão, e só poderiam ser adquiridas na loja em frente ao restaurante.

Tudo bem, estávamos de férias, nada era problema, nada tirava nossa alegria, e a oportunidade de provar uma cerveja artesanal que tantos amigos também elogiaram, mais uma vez valeria o esforço. Saímos do almoço e fomos direto a loja para adquirir as tão desejadas cervejas.

Chegando lá, fui apresentado às três modalidades de cervejas da casa. Pale Ale, Weizen, e Pilsen.

A diferença entre elas, já foi exaustivamente explicada neste e em tantos outros blogs. Fermentação e bla bla bla.

Nem preciso dizer que comprei um kit, e ainda algumas de presente e encomendas aos amigos, e assim que cheguei em casa, coloquei na geladeira, e na mesma semana, provei individualmente uma a uma, dia após dia.

Vamos à avaliação:

Pale Ale: Cerveja de coloração escura como deveria ser, de liquido turvo e não tão adocicada, com textura aveludada... Até aí uma Ale comum, que não se destacaria. O fato de ser uma Pale Ale, deveria ter trazido notas com maior personalidade, confesso que senti falta, a não ser quando falamos de seu aroma, que é extremamente diferente... Quase um perfume. Mas por outro lado, a perfeita harmonia entre os ingredientes, faz com que você sinta suavemente notas deste ou daquele ingrediente, mas especialmente, um resultado bem saboroso da alquimia entre eles bem calculada. Mesmo para mulheres que preferem cervejas mais leves e adocicadas, esta cerveja é de degustação com satisfação garantida, sem exigir complementos como chocolate, ou outros.

Weizen: Cerveja turva, como toda Weiss, de sabor mais robusto, mais encorpada, com alta cremosidade... Esta Madalosso se destaca em nosso ultimo sentido. Quando terminamos de apreciar seu sabor, e então engolimos, fica em nossas papilas, o sabor do cereal de maneira muito gostosa. Ao contrário da maioria, apesar do seu amargor também presente, após engolirmos, não ficamos com o amargor forte em nosso paladar. Ficamos apenas com um sabor muito gostoso, de grande satisfação, que nos remete ao frescor da plantação de sua origem.

Pilsen: Não dá pra comparar com Pilsens altamente industrializadas, se é que podemos chamar as grandes cervejarias artesanais, de “artesanais”. Mas de fato, as cervejas industrializadas e altamente comercializadas, como Skol, Brahma, entre outras, são sempre se sabor mais suave, e feitas para se beber em quantidade. E não é porque uma cerveja artesanal, é também uma Pilsen, que vai ser uma Pilsen qualquer. Esta Pilsen, como as demais cervejas da marca Madalosso, tem sabor acentuado, e ganha das suas irmãs, no quesito personalidade. Seu aroma, acredito que seja inconfundível, e seu sabor passa a impressão de ser mais forte que as demais, apesar de apresentar teores dentro do padrão. Quem costuma ler este blog, sabe que minha cerveja predileta, de R$0,00 a R$200,00, entre todas as que já provei e postei aqui, ainda é a Sol mexicana (R$2,99 no Pão de Açúcar), industrializada, mas como suas primas, é feita para beber em quantidade e não em degustações, e encontros gourmets, como a Pilsen Madalosso. Infelizmente, para  a namorida, e acredito que para a grande maioria da população feminina que conhece uma Pilsen, quando prova uma Madalosso, se decepciona por não ser tão leve e tão adocicada como esperam. Já para homens, esta Madalosso também fica em cima do muro, entre uma cerveja suave e forte. O que alguns entendem como ponto médio, ou harmonia, eu entendi dessa vez, como “ainda não encontraram o ponto certo de onde querem chegar”. 

Mas nem por isso ela é ruim. Muitoo pelo contrário. Extremamente saborosa, marcante como já disse, e é sem dúvida uma experiência extremamente prazerosa e indispensável.

Resumo final da marca: Sem querer fazer comparações entre esta ou aquela, a Madalosso sem dúvidas, entre as melhores, levando em consideração a relação custo x benefício. Cada garrafa saiu em média R$12,90, e tanto para degustar, provar, como para ter sempre uma gelada em casa para oferecer uma experiência diferenciada para algum convidado especial, é uma ótima pedida.
Eu particularmente, e sem ganhar um gole ou um centavo, indico a marca, e cada uma das cervejas.
Próxima tarefa agora é conhecer o vinho da família que também é altamente indicado pelos nossos amigos, e familiares. Assim que tiver a oportunidade, posto pra vocês.


Fica a dica: Todo mundo sempre se preocupa com a harmonização da cerveja, com o prato ideal, para combinar os sabores e proporcionar um melhor aproveitamento de cada característica, tanto do prato, quanto da bebida, mas uma dica particular, é que uma cerveja especial, assim como um prato especial, deve ser acompanhada de seus triviais e comuns acompanhamentos.
Tanto faz se quer dar um destaque ao prato, ou para uma cerveja especial, minha dica é que sirva o prato com uma bebida comum, como uma cerveja comum, um suco, um refrigerante... E deixe a cerveja Artesanal, ou qualquer outra especial, para uns 30 minutinhos após a refeição. Tenho certeza de que assim, ambos serão amplamente apreciados. E sua noite ganhará momentos extras de assuntos, e boas vibrações. ;)

RECEITA DUKAN - EMPADÃO DE FRANGO - PRATICO E DELICIOSO

Receitinha feita 100% pelas mãos da Namorida, que está de DIETA!!!

A cerca de dois meses ela vem seguindo a dieta Dukan, e conseguiu resultados excelentes: quase 8kl perdidos, diminuição drástica das medidas, e uma gripe lascada.

A gripe pode não ter ligação direta com a dieta. Mas é fato, que qualquer dieta diminui seu sistema imunológico... Porém... Tem que ter persistência.

Aí... Num domingão sem ter muito o que fazer, e querendo me agradar (pq eu mereço!, rsrs), ela sabe que eu amo tortas e empadões, então pesquisou esta receita que cabe perfeitamente na dieta dela e ficou uma delíciaaaaa. Esqueça comidas sem graça das dietas mais comuns. Esta ficou incrivelmente saborosa.

Ingredientes:


  • 500 Grama (s) de peito de frango
  • 1 cebola
  • 1 Dente de alho
  • 1 Pitada (s) de pimenta do reino
  • 1 Pitada (s) de sal
  • 2 Colher (es) de sopa de molho de tomate
  • cebolinha verde
  • 1 tomate
  • 1 cenoura pequena
  • 1/2 pimentão
  • 1 Colher (es) de sobremesa de pó royal
  • 3 Colher (es) de sopa de requeijão 0%
  • 2 ovos
  • 1/2 Copo (s) americano (s) de leite desnatado
  • 1 Colher (es) de sopa de farelo de trigo (pode ser substituído por maisena


  • Modo de preparo:
    1. FRANGO

      Refogue o frango com o alho, cebola, sal, pimenta do reino e demais temperos a gosto.
    2. Depois de refogado coloque água e cozinhe na pressão, por aproximadamente 15 minutos.
    3. Depois de cozido desfie o frango e misture o molho de tomate, a cebolinha verde, o pimentão, o tomate e a cenoura picada em cubinhos pequenos.
    4. MASSA

      Bata no liquidificador os ovos, o requeijão, o leite e a maisena. Depois acrescente o pó royal e bata mais um pouquinho.
    5. Em uma assadeira de vidro, aproximadamente 22x22 cm, coloque metade da massa, o frango e o restante da massa.
    6. Leve ao forno pré-aquecido por aproximadamente 45 minutos.



    Fica a dica:
    Utilizamos um refratário para assar com as medidas exatas da receita, e ficou com uma massa bem fininha, porém suficiente.
    Se seu refratário ou assadeira for maior, será necessário aumentar a quantidade de massa. Se for menor, não se preocupe quanto a isso. 

    ALMÔNDEGAS DELICIOSAS - PRATICAS LIGHT E SAUDAVEIS


    Estas almôndegas foram completamente acidentais, mas ficaram tão perfeitas, que como dizem os antigos, com certeza ficaram melhores que a encomenda.

    Fui me aventurar a fazer hamburgers caseiros saudáveis, seguindo uma dica que vi a muito tempo, onde dizia pra acrescentar flocos de aveia na massa de carne.
    Na verdade, sou da opinião até comum em alguns lugares, que hamburgers não precisam de ovo, nem farinha. A carne moída bem tratada e pressionada pode se tornar compacta e um hamburger perfeito!

    Pensando nisso, misturei então "um tantão" (1kl) de carne moída de boa qualidade, aos temperos que mais gosto, como páprica, pimenta do reino moída na hora, cebola, cebolinha, salsinha, e glutamato (Ajinomoto). E então, sem esquecer, para 1 kl de carne, utilizei mais ou menos umas 4 colheres rasas de aveia em flocos.
       
    Na boa?
    Não é que ela substitui a farinha das receitas mais tradicionais nem nada. A farinha não faz falta nenhuma mesmo sem a aveia. Mas deixa o hamburger de fato, mais saudável, light, e mais gostoso.
    Eu particularmente nunca testei, mas acredito que também deva ficar gostoso com farinhas de linhaça, ou até mesmo farelos de trigo ou outro cereal que faça sentido.

    O modo de preparo não poderia ser mais simples.
    Mistura tudo, separe em porções e vá pressionando, moldando da forma como preferir.

    Aí você pode dizer: Puts... esse Gustavo ta chapado... O post era de almôndega e o cara só fala de hamburger... Esse filho da mãe chupa meia..

    Não não.. vou explicar, heheheh

    Eu gosto de hamburgers mais suculentos, mais grossos..
    E neste caso, eu não tinha as forminhas com os moldes, então fiz na mão mesmo, como em outras oportunidades, mas eles ficaram um pouco grossos além do esperado, e só percebi depois de grelhados.

    Grelhei bem, até ficar com aquela crostinha quase crocante.. Mas como utilizei uma carne mais light, com pouca gordura, e ainda com aveia, ficaram um pouco secos. Também pelo fato de ter grelhado sem nenhum óleo.. Enfim.. fiz 12 unidades. E só eu e minha esposa pra digerir.... Resultado: Sobraram 8.

    Ai então tive a ideia que foi um sucesso.

    Cozinhar um espaguete integral, e em uma panela grande, colocar as 8 bolotas (é.. eles ficaram praticamente bolas, e não hamburgers como deveriam) em 3 sachês e meio de molho de tomate pronto (sempre utilizei a Pomarola 100% Natural, mas andei comprando o Quero tradicional sem conservantes, e me surpreendi positivamente. Superou todas minhas expectativas).
    Deixei ferver por aproximadamente 15 minutos. E acrescentei alguns temperinhos, como mais pimenta e mais glutamato.

    Vai, agora imagina aquela almôndega perfeita, com aquela crostinha bem passada, e macia por dentro, de pura carne, num molho de tomate bem feitinho?

    Fica mais que perfeito!

    Fica a dica:
    Se você não tiver um bom grill em casa, pode também assar suas bolotas de carne, em papel alumínio aberto, com um fio de azeite para as carnes não colarem no papel. Se quiser uma casquinha plus, pode também antes de assar ou grelhar, passar as bolotas em ovo batido e farinha de rosca. Mas por mais fina que seja a camada, já não pode mais chamá-la de light, certo? Curta! ;)

    CONHEÇA MELHOR A DIETA DUKAN


         Este senhorzinho francês não é mais como o da foto, ou photoshoparam demais o simpático doutor, que na verdade, se chama Pierre Dukan, e o tal, ficou extremamente famoso nos últimos tempos por desenvolver uma dieta dita como revolucionária.

         Seus resultados são incontestáveis. De fato, pessoas perdem até 5kg em 15 dias, ou até 20kg em 60 dias, e sua dieta prega o NÃO RADICALISMO. O que é uma farsa.
         Antes dos adoradores do Dr. e da sua dieta me criticarem, vou explicar melhor: Ele e qualquer outra pessoa com um mínimo de neurônios, é contra dietas malucas como dias a fio apenas com sopas desintoxicantes, dietas que deve-se consumir apenas leite, dietas onde você deve excluir carboidratos, entre outras. Ele chega até a pregar que determinados grupos alimentares podem ser consumidos a vontade, e nem estou falando sobre folhas!

         Em contrapartida, ele defende que em fase de ataque, devemos por exemplo substituir os sucos de frutas naturais, por refrigerantes tipo zero, e ainda que devemos nos afastar das frutas neste período. Então seria um crime meu chamar sua dieta de também Radical?

         Ele divide sua dieta em algumas fases, como fase de ataque, cruzeiro, consolidação, estabilização, onde no final das contas, você irá cortar o que realmente não presta da sua alimentação, como açúcares processados, gorduras saturadas, e carboidratos ruins, passando a ter uma dieta mais saudável, sem passar nem um pingo de fome, e ainda se alimentando de forma extremamente saudável e sem ausência de nenhum nutriente. Não passa na verdade de uma reeducação alimentar.
       
         Sua particularidade são exatamente as fases que comentei. Não são exatamente fases de desintoxicação, nem fases de choque, mas fases onde você verá um enorme resultado, e isso irá te trazer um grande estímulo. Particularidades também mesmo em fases mais avançadas, como por exemplo: as quintas-feiras serão de dieta bem semelhante a fase de ataque, de certa forma para compensar o que virá no final de semana.

         Eu não vou me aprofundar muito sobre como são essas dietas nem o que deve-se consumir nem tampouco o que é proibido, porque em primeiro lugar, não ganho nem um centavo, e em segundo lugar, ele ganha, portanto não quero roubar o ganha pão de ninguém a troco de nada. Se vocês se interessaram, sinceramente, acho que vale muito a pena adquirir seus livros, e os produtos que ele indica neste site https://www.dietadukan.com.br/ mesmo que seja afim de estudo. Leia e conheça melhor antes de tirar suas próprias conclusões.

         Pessoalmente, tenho certeza de que é uma dieta que funciona. Reconheço que para muitas pessoas pode ser a solução, e no final das contas, o resultado é bom até para os olhos de quem não segue, como eu.
         Não sigo. Não pelo fato de não precisar. Quem não precisa perder alguma gordura?
         Mas não gosto muito de dietas. Acredito que se você simplesmente tiver uma alimentação saudável, e bons hábitos como exercícios, pode ser que demore um pouco mais, mas também terá resultado.
         Também não acho por exemplo, que você deva consumir refrigerantes por ser uma bebida doce, que te traz saciedade palativa, seja indicado para quem está de dieta como um placebo às suas tentações. É difícil para um adepto, ter que largar do habito de saborear aquela coca cola trincando de gelada, ou aquela guaraná depois de uma pizza ou uma pipoca como na propaganda, mas light, diet, ou normal, todos os refrigerantes possuem enormes quantidades de químicos que com certeza não te trazem beneficio nenhum. E há quem diga que te traz alguns males e riscos, então por quê arriscar, quando se busca uma reeducação? Penso que se for pra reeducar, que seja correto, e sem trapaças!

         Não conheço nenhum obeso que viva de salada, ou que faça exercícios regularmente e consuma até 2 a 3 mil calorias diárias. É humanamente impossível (considerando pessoas sem distúrbios metabólicos, como problemas na tireoide).

         Existem ainda pessoas na minha própria família, que buscam médicos, nutrólogos e nutricionistas, buscando receitas, dietas e orientações, sobre coisas que elas já sabem!
         Outro dia mesmo, me vi sentado a mesa, almoçando, com um belo prato de macarronada e costela assada. E a pessoa em questão, que busca tantos milagres, estava junto de nós, porém substituiu o macarrão por legumes, pois resolveu que cortaria de vez os carboidratos de sua dieta. Disse que seguia recomendações de um médico, ou nutrólogo... E repassava a quem quisesse.

         Perguntei então, se ela achava saudável, consumir uma carne com quase 50% de gordura saturada como a costela. E olha que ela quem escolheu!
         Ela então respondeu que não. Não achava.
         Perguntei então se achava saudável o consumo de legumes. Respondeu que sim.
         Perguntei se achava saudável alimentos gordurosos. Respondeu que não.
         Perguntei se achava saudável alimentos ricos em fibras. Respondeu que sim.
         E segui nesse diálogo de perguntas e respostas por mais algumas vezes, que pra mim, seriam respostas óbvias a qualquer pessoa com o mínimo de informação.

         Ao final, todas suas respostas foram óbvias como eu esperava que fossem, e perguntei então: Se o desejo era emagrecer, qual foi a razão pela escolha da costela para o almoço? Qual a razão para os doces, e para as gorduras diárias? As frituras... entre outros?
         Não obtive respostas.
         Perguntei então, que se ela sabia, lá no fundo, tudo o que era bom, e o que era ruim, de que serviria um nutrólogo, ou um nutricionista?

         Só pra deixar claro! Não acho que sejam profissões fúteis e sem valor. Muitoo pelo contrario. Mas acredito que sejam profissões que te ajudem com distúrbios físicos, ou para atingir uma meta atlética necessária, ou para corrigir isso ou aquilo... Mas para pessoas saudáveis, simplesmente com sobrepeso moderado e de maus hábitos alimentares, sinceramente, acho completamente desnecessário.

         Só para encerrar o assunto, entendi uma coisa:
         Pessoas que procuram este tipo de ajuda, sempre sabem em sua mente, o que é saudável, ou o que deveriam OU NÃO estar consumindo. Ela não estava comendo aquela costela, pensando que era a carne mais light do mundo. Mas quando elas não seguem uma orientação externa, parece que fica mais difícil ouvir aquela voz interior. Parece mais fácil trapacear um modo de vida mais saudável, pensando que ao não comer um macarrão, poderia comer aquela carne gordurosa sem grande efeito colateral ruim.
          Parece que se você não estiver sob um regime, ou sob regras, suas vontades são mais fortes do que você, então você simplesmente as ignora.

         Tenho certeza de que é mais complexo do que este rápido pensamento, mas acho de verdade, que é um caso mais para psicólogos, do que para nutricionistas.

    Fica a dica:
    Só para frisar, não sou contra nenhum tipo de dieta com algum nível de responsabilidade, como a Dukan. Sou extremamente contra dietas radicais. Mas não sigo e também não indico nenhuma. Se te traz o resultado esperado, isso é extremamente bom. É ótimo! Mas é apenas uma arma. O que realmente resolve é uma reeducação alimentar e bons hábitos! ;)

    FAROFA ESPECIAL COM PERNIL


         Eu poderia dizer que essa receita é perfeita pra uma sobra de pernil assado ou cozido, mas a história verdadeira é que estava com vontade e fiz tudo na hora, fresquinho.

         Não é de hoje que a namorida é apaixonada por uma boa farofa. E é bem exigente, então, eu tendo provado esta farofa de pernil a algum tempo, pensei em fazer hoje algo especial pra ela, pois logo mais ela viajaria.

         Fiz então um feijãozinho gordo com linguicinha, bacon, e pedaços de pernil, e a farofa que foi a grande estrela do almoço.
         Da forma como eu fiz, ficou perfeita, bem úmida e extremamente saborosa!
         Combina muito bem com um churrasco, ou qualquer refeição que não seja muito seca. Não é muito light, mas também ninguém come farofa todos os dias, então vale a exceção ok?

    Ingredientes:
    600gr de farinha de mandioca própria para farofa.
    500gr de pernil em cubos
    200gr de bacon em cubos e refogado
    1/2 gomo de linguiça calabresa em cubinhos e refogada
    1 cebola em cubinhos
    2 dentes de alho esmagados
    Sal
    Páprica Picante
    Salsinha
    Cebolinha
    Manteiga
    Azeite
    Pimenta do reino

    Modo de preparo:
    Coloque o pernil para refogar apenas em um fio de azeite, até selar por todos os lados. Acrescente água apenas até a altura da carne, a água não precisa cobrir a carne, e então acrescente o sal, a páprica, e deixe cozinhar por uns 30 minutos aproximadamente. Este tempo pode variar de acordo com o tamanho dos cubos do pernil que estiver utilizando. Cozinhe com a panela tampada!
    Após este tempo, retire os cubos do pernil da panela, e reserve o caldo. Desfie a carne, e refogue com o bacon, a linguiça e os demais temperos, menos a salsinha e a cebolinha.
    Em uma outra panela, aqueça um fio de azeite, com aproximadamente umas 100gr de manteiga. A quantidade de manteiga varia também de acordo com o seu gosto. Assim que a manteiga derreter, acrescente a farinha e todas as carnes. Assim que todos os ingredientes se incorporarem, vá acrescentando bem lentamente o caldo da carne, até que a farinha esteja cozida (assada, frita, não sei como dizer, e tome cuidado pois ela queima muito rapidamente). Não precisa utilizar todo o caldo, vá acrescentando apenas para manter uma boa umidade da farofa ao seu gosto. Assim que terminar esta etapa, desligue o fogo, acrescente a salsinha e a cebolinha, misture tudo, e esta pronto!

    Fica a dica:
    Tome muito cuidado com o sal! Esta farofa leva carnes salgadas, e na real, você poderia acrescentar muuuito sal na farofa até perceber alguma diferença, pois a farinha dá uma boa maquiada no sal, portanto, menos sal, e mais temperos, é a dica light dessa farofa! ;)

    RECEITAS PRA QUEM ESTA COM DIARREIA

         Todas as pessoas deste planeta, com certeza já passaram um dia em que parece que tudo o que você comeu não foi digerido corretamente, derreteu, e saiu por formas não esperadas. E se vem com cólicas então, ai é o banquete completo.

         Dizem os médicos, que não é aconselhável tomar remédios para cortar a sua diarreia logo nos primeiros dias, pois a maioria delas, colaboram com o seu organismo para expulsar algum corpo estranho ou infeccioso.

         Quando somos ou temos crianças pequenas, todo cuidado é pouco, portanto desde o início do seu calvário no trono, é importante o acompanhamento com soro caseiro (1 copo americano de água mineiral, 1 colher de sal, 2 colheres de açúcar), e em casos prolongados, o acompanhamento médico.

         A seguir, vão algumas dicas que vocês talvez já utilizem, outras que vocês já ouviram falar, e outras que vocês nem adivinhavam... Como por exemplo:

    Coisas que você talvez nem tenha ideia:
    Coca Cola é rica em potássio, que nosso corpo perde muito durante uma diarréia, ou vômito, e é importantíssima sua reposição. Porém, deve-se "bater" a Coca Cola com um garfo em um copo por aprox. 30 segundos afim de se retirar seu gás, que pode lhe trazer, obviamente, gazes, que durante uma diarreia são bem desconfortáveis.

    Sprite também é bem vinda, por também conter um nível bacana de potássio, e acompanhada de limão espremido, ajuda a dar uma segurada no Toddynho (ecati).

    Feijão também vai bem, mas só o caldo. Os grãos podem também fermentar e gerar alguns gazes.


    Coisas que você já ouviu falar:
    Água gelada com limão realmente ajuda a dar uma segurada.

    Evite ambientes com calor intenso.

    Água sempre gelada. O mais gelada possível. Isso ajuda muito na sua hidratação.

    Evite alimentos apimentados e cítricos.

    E por último, saibam que nestes dias, Hipoglós é util mesmo aos que não são mais criança.


    Coisas que você já deveria saber:
    Evite alimentos ricos em fibras.

    Use e abuse de alimentos ricos em amido, como macarrão, maisena, batata...

    Evite verduras.

    Gatorade deve ser consumido em excesso.

    Evite leite, derivados de leite, e sucos cítricos.

    E se os gazes te fizerem uma visita, não sofra, e mande logo de cara um Luftal.


    Fica a dica:
    Lave sempre muito bem as mãos, não apenas antes das refeições.
    E quanto mais jovem você for, maior deverá ser seu acompanhamento de vermes e bactérias em seu estomago e intestinos.
    Sempre se hidrate muito bem.
    E por fim... Nos dias mais críticos, tome muuuuito cuidado com aquele "pumzinho".  ;)

    ESCONDIDINHO DE FRANGO VAPT VUPT


         Este Escondidinho de Frango com Catupiry e bacon não levou mais de 30 minutos de mão de obra, e fica simplesmente delicioso!
         Eu que sou fã de escondidinho a algum tempo, venho testando algumas receitas e modos de preparo, mas nenhum deu tão certo quanto este. Até a namorida que não é chegada, adorou! E repetiu!

    Ingredientes para o purê facil:
    6 Batatas médias
    150ml Leite
    150gr Manteiga
    1/2 Pacote de parmesão ralado (Se puder ralar um parmesão na hora fica melhor ainda)
    150gr Muçarela ralada
    Sal
    Pimenta do reino

    Ingredientes para o Recheio
    700gr Peito de frango
    100gr Molho de tomate Pomarola 100% Natural
    1/2 Cebola
    1 Caldo de frango (tablet)
    1 Pote de Requeijão Cremoso (utilizamos Catupiry, mas qualquer requeijão cremoso serve)
    250gr Bacon em cubinhos ou tirinhas pequenas
    Sal
    Pimenta do Reino

    Modo de preparo:
    Pra que seja rápido, é importante que você se organize e saiba fazer mais de uma coisa ao mesmo tempo, mas não é tão difícil quanto parece.
    A princípio, coloque água em uma panela de pressão até a metade e coloque o peito de frango com o cubo de caldo de frango para cozinhar com a panela fechada. 12 minutos depois de pegar pressão são suficientes.  E em outra panela já coloque uns 3 litros de água para ferver, enquanto descasca as batatas. Corte-as pela metade, ou até em 3 partes para acelerar o cozimento. Cozinhe as batatas com um pouco de sal.
    Após os 12 minutos de cozimento do frango, é interessante seguir o passo a passo para desfiá-lo em 30 segundos, conforme descrito aqui neste link, que nada mais seria que, com o auxílio de uma colher, subir a válvula da pressão para aliviar a pressão mais rapidamente, e assim que terminar de apitar, abrir a panela, escorrer a água rapidamente, tampá-la novamente, e chacoalhar a panela com toda sua força por uns 30 segundos e em vários sentidos. O grande truque pra essa dica funcionar é fazer este processo no menor tempo possível, pois quanto mais quente estiver sua panela, mais fácil o frango irá se desfazer.
    Ao término deste processo, suas batatas já devem estar "ao dente" (prove com um garfo, elas devem estar beeem macias).
    Escorra as batatas e amasse com o auxilio de uma colher de pau ou qualquer outro utensílio que prefira utilizar, e misture a manteiga e o leite, já com os temperos (sal e pimenta).
    Em uma panela, aqueça um fio de azeite, e refogue o frango já desfiado com a cebola em cubinhos, o molho, e os demais temperos.
    Em uma frigideira, frite o bacon apenas em sua própria gordura. Não é necessário acrescentar óleo, nem azeite.

    Tudo pronto, hora da montagem.
    Em um refratário, coloque um fio de azeite, e espalhe todo o frango.
    Por cima do frango, faça uma camada com todo o bacon, e então, acrescente uma camada com o requeijão cremoso.
    Acrescente então a camada do purê de batatas, e por fim, cubra com a muçarela, e então, uma camada de parmesão para gratinar.

    Terminada sua mão de obra, agora é só colocar no forno na temperatura mais alta possível, e 20 a 25 minutos, irá formar aquela casquinha vermelhinha de gratinado que tanto amamos.

    Fica a Dica:
    Você também pode preparar e montar todo o escondidinho, e levar a geladeira tampado com um papel film para que não resseque, e deixar pra levar ao forno quando receber uma visita, ou quando preferir. Ele pode ficar na geladeira por até dois dias antes de ir ao forno. ;)

    SOPA CORINGA - SECA BARRIGA APOS FIM DE SEMANA

         Essa sopinha é aquele coringa pra quando você dá aquela exagerada no fim de semana, come o que devia, o que não devia, e a parte do vizinho!
         Fica muito gostosa, satisfaz (enche) muito rapidamente, e contém muito pouca caloria, muita fibra, vitaminas e proteínas em abundância.

    Ingredientes:
    1 Beterraba
    1 Cenoura
    1 Cebola em cubinhos
    3 Dentes de alho
    1 Abobrinha
    1 Sachê de molho de tomate Pomarola 100% Natural
    100ml Molho de soja (Shoyo)
    150gr Aveia em flocos ou pó
    2 Caldos de legumes (tabletinhos mesmo)
    Sal
    Pimenta do reino

    Modo de preparo:
    Muito simples. Junte todos os ingredientes, menos a aveia, e a abobrinha, e deixe cozinhar em fogo baixo por aproximadamente 10 minutos em fogo alto, com um pouco de água para ajudar no cozimento, e então acrescente a abobrinha. Cozinhe por mais 6 a 7 minutos, desligue o fogo, acrescente a aveia.

    Fica a dica: 
    Em casa, como não somos tão fãs de legumes, batemos tudo no liquidificador, e tomamos como um caldo espesso. Vale ressaltar que pra quem faz alguma atividade física como nós fazemos, acompanhamos este caldo com torradas de pão de forma integral em forma de croutons, e um filé de frango grelhado em tirinhas com shoyo.

    NÃO GOSTO / ODEIO VINAGRE

         Essa vai para aquelas pessoas que assim como eu, não gostam ou odeiam vinagre.
         Quem, entre nós que não gostamos, ja não salivou com uma receita que parecia visualmente deliciosa, mas quando degustou, sentiu aquele azedinho do bendito, ou não assistiu o passo a passo de uma receita tão promissora, mas que o cozinheiro inventou de acrescentar o vinagre sabe-se la por que?

         Para nós, seguem algumas dicas bem interessantes de receitas onde o "tal" não vai, ou maneiras de driblá-lo.


    Batatinhas calabresas sem vinagre da Alê


    Vinagrete sem Vinagre


    Receita de requeijão sem usar vinagre!


    Fica a dica:
    Vinagre é sempre bem substituido por limão. Vinagre é ruim. Existem muitaaaas pessoas que não suportam. Tem cheiro de salada azeda. Pratos que levam vinagre em seu tempero devem sempre ser temperados no prato de quem irá comer, e nunca préviamente, pois sempre existem pessoas que não gostam. E lembre-se sempre de que existem pessoas que não suportam nem o cheiro do vinagre, então o bom senso é sempre bem vindo. ;)

    BACON FAZ BEM A SAUDE! CONFIRA SEUS BENEFÍCIOS

         Não é possível, e já é sabido que não sou o único amante de Bacon deste mundo.
         Mas muitos dizem que ele faz mal. Especificamente por seu alto teor de gordura.

         Concordo neste ponto, quando dizem popularmente que "Tudo o que é bom faz mal", ou então que "Bom é quando faz mal". Ele é deliciosoooo. E melhora QUALQUER prato.
         Bacon é felicidade, pois uma coisa tão gostosa assim te deixa com uma sensação de prazer incrível, mas tinha que ter algo mais.

         Pensando nisso, fiz algumas pesquisas e facilmente encontrei alguns benefícios do bacon, pra que você possa justificar, até pra sí mesmo, um consumo justo.


    1 - Sabia que se uma mulher grávida comer bacon e ovos, auxilia na memória do feto? Tudo porque o bacon contém uma substância chama colina que ajuda não só na memória, como também previne complicações no coração e nascimentos prematuros.

    2 - 45% da gordura do bacon é monoinsaturada, o que significa que elas diminuem o nível de colesterol ruim.

    3 - Comer bacon ajuda você a perder peso! SÉRIO! Um estudo diz que se ingerir bacon no café da manhã, você fica com menos fome para o almoço e consequentemente, come menos. Todos que participaram da pesquisa perderam a mesma quantidade de peso, mas os que comeram mais proteína, aumentaram o metabolismo.

    4 - Os porcos são alimentados com ração que aumenta o seu ômega-3, uma substância encontrada nos peixes, que diminui o colesterol, a chance de infarto, reduz a inflamação e melhora a circulação.

    5 - A gordura do bacon, depois de cozida, está sendo utilizada pela TMI Foods de Nothampton, Inglaterra, para gerar bio-4) Pensando nisso, aqui vai a 4ª curiosidade. Tiras de bacon podem curar sangramento! O método foi utilizado por médicos americanos para tratar uma menina com trombastenia de Glanzmann, doença que faz o nariz sangrar sem parar. Exatamente porque a carne tem proteínas que ajudam a coagular o sangue.

    6 - Bacon cura ressaca. A pesquisadora Elin Roberts da Universidade de Newcastle, afirmou que quando o indivíduo bebe demais desestabiliza os neurotransmissores, deixando aquela sensação de cansaço típica da ressaca, e o bacon possui níveis elevados de aminoácidos, que podem regularizar essa condição do organismo.

    7 - O cheiro do bacon sendo frito, provoca uma reação química que o deixa irresistível e podeviciar tanto quanto a cocaína.É a teoria do Junk food.

    8 - Existe cerveja e vodka com sabor de bacon! A cerveja é da Rogue Ales e se chama Voodoo Bacon Mapl.

    Fica a dica
    Coma com moderação! Mas não se prive deste prazer dos deuzes. Ah, e se mate na academia! Isso é essencial!

    RISOTO DE ARRAIA - BARATO E DELICIOSO

         Essa receitinha a patroa fez praticamente no tropeço. Fizemos pra terminar com uma sobra de arraia que compramos e não gostamos muito, mas que deu a maior dó de jogar fora.
         Ficou muito muito gostoso. E nem da pra dizer que foi sem querer, heheheh. Deu até pra dizer pra namorida que foi o melhor risoto que ela ja fez la em casa.

    Ingredientes:
    Arraia cozida e desfiada, sem as cartilagens, por favor.
    Arroz pronto, mas não aquele esquentado. Um novinho, feitinho na hora.
    Molho de tomate
    Queijo tipo catupiry
    Ervas que tiver a mão. Pode ser tomilho, cheiro verde, e manjericão

    Modo de preparo
    Faça o arroz branco com os temperos que esta acostumado, da forma que mais gostar, deixe os grãos soltinhos mexendo levemente depois de pronto e reserve.
    Após uns 15 minutinhos (tempo necessário para poder mexer o arroz sem empapar nem desmanchar os grãos) junte a arraia desfiada, o molho, e o queijo. Misture bem.
    Sirva com as ervas salpicadas por cima para não perder o frescor, e regue com um fio de azeite

    Fica a dica
    Sempre que fizer risoto em casa, faça em porções pequenas. Tente acertar a quantidade que será consumida na refeição, pois a sobra de risoto é uma coisa que dificilmente conseguimos comer no dia seguinte. Nenhuma mágica deixa este restinho gostoso. ;)
    Scroll to top