PASTA DE AMENDOIM CASEIRA EM 3 MINUTOS SEM CONSERVANTES

PASTA DE AMENDOIM

Você com certeza já assistiu filmes e seriados norte americanos, já reparou que eles utilizam exageradamente essa Peanut Butter, ou manteiga de amendoim, ou pasta de amendoim. Eles utilizam principalmente em lanches rápidos com pães tipo os nossos pães de forma, mas também em muitos outros pratos. 

Aqui no Brasil, você até encontra essa pasta de amendoim, mas muito disfarçada (Ioiô nut cream, entre outras), que talvez você nem saiba que são a mesma coisa. Até porque, de fato, não são.

Me corrijam se eu estiver falando uma asneira, mas muitos amigos de lá, já me disseram que a deles, não é nem doce e nem salgada (na maioria das vezes) e mesmo a doce, não é tão doce quanto temos aqui e imaginamos que seja a de lá. 


Além disso, as que temos por aqui, são lotadissimas de açúcar, mas também de muitos outros conservantes... E uma pasta que era pra ser energética, saudável e prática, acaba sendo um veneno. 

Pois bem, eu sou daqueles que preferia ficar na vontade e na curiosidade, do que me arriscar nestes ioiô nut cream da vida, mas eis que a vida é uma caixinha de surpresas....

Interior de São Paulo essa semana está um frio do caramba, e ainda por coincidência é festa junina, então todos os mercados montaram ilhas de produtos típicos. Obviamente entre eles, os mais diversificados amendoins. 

Vejo um pacote de amendoim torrado, descascado e sem sal, que praticamente pisca pra mim. Não pra cozinhar nada com ele, mas pra tomar com uma cervejinha mesmo, hehehehe.

Claro que compramos 1 Kg (1 pacotinho), mas chegando em casa, a namorida ao guardar as coisas na dispensa, notou que atrás do pacotinho havia uma receita de pasta de amendoim caseira, light e muito prática.

Foi essa mesma que fizemos imediatamente, adoramos o resultado, e agora eu compartilho aqui com vocês...

Ingredientes:
2 Xícaras de amendoim torrado, descascado e sem sal nem açúcar. 

2 Colheres de açúcar mascavo
1 1/2 Colheres de óleo de amendoim (eu utilizei de canola, que é o que eu já tinha no susto, e ficou bom, mas  não aconselho a fazer com o de soja em nenhuma hipótese).
1 Pitada leve de sal

Modo de Preparo:
Bata tudo.
Simples assim. 


Eu utilizei o mixer, mas se você tiver um liquidificador dos bons, pode fazer nele também. Se caso o seu liquidificador não for muito bom, pode ser que você precise do auxilio de uma espátula, porque a pasta fica bem densa, mas deve dar certo também. 

O sabor eu não sei dizer se ficou igual, melhor ou pior que o dos norte americanos, mas sei dizer que ficou muuuito gostoso. 
Esta é uma receita light que dá pra servir de recheios e acompanhamentos em lanches rápidos ou preparos doces. Mas já vi utilizarem também em pratos salgados, tanto pra dar textura ou pra dar sabor mesmo, mas neste caso, eu indicaria que não colocasse o açúcar.

Fica a dica:
Após pronta, guarde num potinho que tenha um bom fechamento, e mantenha na geladeira. Como o amendoim por sí só, já dura bastante, e a receita ainda leva um pouco de óleo, acredito que deve durar pra caraca, mas não sei chutar quanto.
Quando eu digo que esta receita é light, eu me refiro ao bem pouco açúcar, ao quase zero de sódio, e a pouca gordura acrescentada. Mas vale lembrar que o amendoim é também um alimento tão gostoso e benéfico quanto calórico, então se o seu problema for calorias, não deixe de consumir, mas vá com calma. 
De qualquer maneira, é um coringão no dia a dia, você gasta menos de 10 reais pra fazer um montão, fica pronto em 3 a 4 minutinhos (só o tempo de bater bem), e sem conservantes e baixo sódio e gordura. 
Bom dimais sô!!! ;)

COMO PLANTAR COGUMELOS EM CASA COM MENOS DE 25 REAIS

SHITAKE SHIMEJI CASEIRO

Nas ultimas vezes em que fui ao mercado (Pão de Açúcar), a namorida chamou a atenção para estas caixinhas, que ficam no refrigerador, proximo dos legumes, e vem toda fechada.
Parecia meio caro (cerca de R$32,00 a R$35,00), comparado que uma bandeja com uma boa porção de cogumelos já prontos para o consumo custa entre R$6,00 e R$20,00. Então eu deixava passar, mas ontem por coincidência, estava numa promoção por R$21,00!
Parei para analisar com mais carinho, e achei incrível!!!

Na verdade, é uma caixinha muito simples. Ela vem com alguns furos lacrados por um plástico na parte da frente e de trás. E dentro deste plastico, está um composto orgânico próprio para cogumelos. Cada caixinha, uma variedade de cogumelos. 

Dentro da caixinha, também acompanha um borrifador. 

O processo de cultivo não poderia ser mais simples...

Basta fazer furos no plastico com um objeto pontiagudo (nos buracos demarcados), e borrifar bastante água umas 2 vezes ao dia. Ah, e claro, deixar em local úmido, e protegido da luz direta do Sol. Apenas isso!

A promessa da caixinha, é que você irá obter no mínimooooo 400gr, mas podendo facilmente chegar a mais de 1kg (em 2 ou mais colheitas!). 

Detalhe: Eles começam a nascer já no final da primeira semana.

E ainda tem outra vantagem!

Segundo a própria caixinha, depois das colheitas, você pode abrir o plastico de dentro, e utilizar o composto orgânico como substrato para os seus vasos. 

Eu que já tenho a minha mini horta de temperos lá em casa, terei um destino certo e muito útil!

Cara.. que genialidade!!

Estas fotos são do mesmo kit que eu comprei, mas são fotos que eu achei na internet. 
Assim que os meus cogumelos nascerem e estiverem lindos e pimpões, eu posto mais fotos!!!

Só pode ser coisa de japonês... Tsc tsc... 



Fica a dica:

Mantenha também num lugar com pouco ou nenhuma brisa, vento... 

Cogumelos não devem ser lavados, então quanto mais limpo for o seu cultivo, mais facil será a sua higienização (eu faço com um pincel). ;)


FAÇA SUSHI EM CASA - É MUITO BARATO E FÁCIL!!!

                       COMIDA JAPONESA EM CASA

Mês passado eu e a namorida inventamos de fazer sushi em casa. 

Eu como todo descendente de japonês, e que ainda por cima gosta de cozinhar, me sentia na obrigação de melhorar minhas experiências nessa culinária. 

Confesso, parecia muito difícil. As pessoas falavam sobre a temperatura das mãos, ponto do arroz, e muitos outros detalhes que me deixavam com medo, mas sinceramente, colocando a mão na massa, e do jeito certo, percebi que é mais fácil que tirar leite de caixinha. 

Como em todo preparo, o graaaaande segredo esta em ter os ingredientes corretos e de boa qualidade. 

Vamos começar pelo básico que é o arroz. 

Compramos arroz do tipo oriental mesmo. Não é caro. O saquinho com 1kg sai por mais ou menos 8 reais no Pão de Açúcar. 

Então, vamos para a nori, que é esta folha de algas. Pacotinho com 10 sai por 10 a 15 reais. 

E também o tempero pro arroz. Eca! Aqui você pode utilizar o vinagre de arroz com uma pitada de açúcar, ou mirim com uma pitadinha de açúcar, ou pode comprar o que eu comprei - 1 litro de tempero pronto para sushi, que custou uns 4,50 e tem o mesmo cheiro que eu odeiooooo de vinagre. 

Se você é como eu que odeiaaaa vinagre, não se preocupe com o sabor. Vai tãoo pouquinho que você não sente, e é essencial. Mas na hora do preparo, confesso que pedi pra namorida temperar para evitar sentir aquele cheiro. 

O que você basicamente precisa para um bom sushi já esta pronto. Um opcional que pode te ajudar muito na montagem, é uma esteira de bambu, para auxiliar na hora de fazer o rolinho. Eu tenho e realmente ajuda, mas ja fiz sem ela também e o resultado foi tão bom quanto. 

Sobre o recheio, você deve fazer do que a sua imaginação mandar. E a unica dica que eu tenho, é ter em mente que seja qual for, compre bem pouco. Fazer sushi é uma coisa extremamente econômica sobre os recheios. Para um casal que come como ogros, como eu e a namorida, se fizermos sushi apenas de salmão, por exemplo, utilizamos apenas umas 100 a 150gr de peixe. 

Eu particularmente, acrescento cream cheese em todos, independente do recheio, mas não é necessário. 

Ja fiz de salmão cru, salmão grelhado, skin, kani, manga, atum, shimeji, e todos ficaram ótimos. 

Para o preparo do arroz, utilize 1 xícara de arroz, para 1 1/2 xícaras de água. Arroz beeem lavado. Junte tudo na panela sem tempero, e cozinhe até perceber que secou toda a água. Deixe descansar por 10 minutos, e tempere com 2 colheres de tempero (pronto ou vinagre com açúcar) para cada 1 xícara de arroz. Deixe esfriar na geladeira. 

Para a montagem, coloque a nori com o lado liso para baixo. 
Coloque o arroz, compactando-o bem fazendo uma fina camada de arroz (o arroz deve estar frio!), e coloque arroz por toda a nori, mas deixe uns 3 dedos sem arroz, no final dela. para o acabamento. 
Coloque o recheio em uma linha horizontal próxima do inicio da nori, enrole, e para colar as extremidades, pincele água, e está pronto!

PARÊNTESES: Eu sei que a grande maioria da população não liga, e até gosta de vinagre. E eu não sou o tipo fresco. Pelo contrário, como basicamente de tudo, mas não sei explicar. Vinagre é uma das unicas coisas no mundo que o meu organismo simplesmente rejeita só de sentir o cheiro. Vai ver é alguma intolerância mesmo. Sei que é raro, mas me alivia saber que não sou o único no mundo... Hehehe. 

Fica a dica:
Para cortar seu rolo de sushi com maior facilidade, utilize uma ótima faca, e molhe a lâmina a cada corte. Finalize com gergelim preto por cima, e tenha em mãos para a hora de servir, shoyo e teriyaki! Quer caprichar muito? Deixe para a hora de servir, um pouco de Wasabi! Mas só para quem gosta! ;)

FILÉ DE SALMÃO ASSADO PRONTO EM 25 MINUTOS

PHOTO ART FISH

No início deste mês, compramos um filé inteiro de salmão congelado. 

Comprar peixe congelado não é nada do que eu pretendia. Sinceramente não gosto e sempre evito, porque sempre achei que o sabor não ficava tão bom e não compensava o desconto, mas desta vez o valor estava realmente bom e resolvi aproveitar. 

Deixei no freezer, mas quando quis prepará-lo, deixei ele nas partes mais baixas da geladeira por cerca de 12 horas até ele descongelar .

Aqui agora a preguiça falou alto.

Tentei seguir a receita que meu pai sempre fazia, que levava limão, sal, e alho espremido na hora, mas optei por cebola e salsa desidratados, e um pouco de sal, limão e azeite. 

Vale lembrar também que o filé que eu estava utilizando já estava sem todas as espinhas, mas ainda estava com a pele, coisa que não abro mão. 

Em uma assadeira anti aderente, coloquei o filé com a pele para baixo, já temperado, e reguei com mais um fio de azeite e um pouquinho de alecrim. E sóóóó!!!

Pra falar a verdade, neste processo eu levei no máximo 1 ou 2 minutos. 

Forno médio-alto, sem alumínio por cima, por 25 minutos e está pronto o salmão mais fácil e muito saboroso!

Se o seu filé for muito grosso, mantenha o forno médio-alto por 25 minutos e acrescente mais 5 minutos em forno alto no finalzinho. 

Fica a dica:
Sirva com salada, arroz, ou até uma massa, mas não esqueça de sempre deixar a mesa um molho a mais. Algumas pessoas como eu gostam de sentir o sabor do peixe e o tempero suave, mas outras já preferem comer o salmão com algum molho, então fica como dica um molho de maracujá, molho de vinho, ou se a preguiça for mesmo muito grande, só um shoyo já resolve. ;)

MASSA DE PIZZA COM APENAS 2 INGREDIENTES SAUDAVEL RAPIDA E PRATICA

CULINARIA GOURMET RAPIDO PRATICO


Testei essa massa de pizza, e fica perfeita!

Ela até leva um tanto de farinha de trigo, mas só de pensar que não iremos adicionar ovos e leite já da aquela aliviada na consciência. 

Sobre o recheio, vou deixar para a imaginação de cada um!

  • 1 xícara de farinha de trigo com fermento
  • 1 xícara de iogurte tipo grego, ou natural integral
  • E um pouco mais de farinha para untar a forma
  1. Em um bowl, misture os dois ingredientes até formarem uma bola.
  2. Passe a massa para uma superfície plana já enfarinhada para dar uma leve sovada. 
  3. Sove por 5 a 8 minutos, e nem precisa deixar descansar. Forme o disco já em uma forma enfarinhada (se você montar ela fora da forma, pode não conseguir transferir mais tarde), e acrescente a cobertura que preferir. 
Fica a dica:
Para uma massa mais crocante, evite colocar molho em excesso. 
Uma erva (tempero) indispensável para a sua pizza ter cheiro de pizza é o orégano. Seco ou fresco, ele não pode faltar! ;) 

ESPECIAL 2 INGREDIENTES: TRUFA LIGHT RAPIDA PRATICA E DELICIOSA

RAPIDA PRATICA DOCE SOBREMESA

E seguindo a linha do Especial 2 Ingredientes, vamos para a dica das trufas light, porém muito saborosas, alem de extremamente rapidas e praticas de se fazer. 

Ingredientes:
1 Embalagem cheia de Cream Cheese (aquela mais comum mesmo).
200 a 250gr de Chocolate (eu utilizaria um meio amargo, ou de 60% cacau, para cima). 

Modo de preparo:
Comece amassando o seu cream cheese, e enquanto isso, derreta metade do seu chocolate. 
Para derreter o chocolate, uma boa dica é levar ao microondas já picado por 2 minutos, e então em intervalos de 30 em 30 segundos, até que esteja totalmente derretido. 

Adicione o seu chocolate ao cream cheese e misture muito bem. 

Neste ponto você pode manter a receita com 2 ingredientes e ir para o próximo passo ou tentar a sorte incluindo outros ingredientes e desafiando sua imaginação. 
Agora com o auxílio de uma ou duas colheres, ou um boleador (sim, porque na mão é praticamente impossível), fracione em pequenas bolinhas e coloque em pequenas forminhas, que pode também ser aquela forma de bombom comum, mas selada com manteiga, ou qualquer forma forrada com papel manteiga e por segurança, untada com mais manteiga. 
Refrigere por pelo menos 1 hora, até que fiquem bem firmes. 
Derreta a outra metade do chocolate. 
Passe suas trufas já firmes, pelo chocolate derretido, para formar aquela casquinha deliciosa, e volte ao refrigerador por pelo menos 2 horas. 
Parece um longo processo, mas na verdade só leva o tempo de refrigerar para pegar consistencia, porque de trabalho manual mesmo, é extremamente rapido e pratico. 

Fica a dica:
Se você utilizar um bom cream cheese e chocolates com alto teor de cacau, sua receita vai ser super light, daquelas para comer sem culpa. Mas nada que te impeça de acrescentar por exemplo, doce de leite ou alguma essência ou licor. A medida para isso eu deixo a seu critério! ;)

ESPECIAL 2 INGREDIENTES: QUEIJADINHA EXPRESS - RAPIDA E PRATICA

SOBREMESA DOCE

Aproveitando que estou empolgado com esse lance de poucos ingredientes se transformarem em receitas deliciosas, resolvi pesquisar algumas e trazer o que há de melhor, aqui para o blog. 

E a dica de hoje, é a Queijadinha Express. 

Queijadinha não é um doce típico em todo o país. Mas com certeza muitos já puderam apreciar a delicia que é. 

O que eu sempre achei estranho na queijadinha, era o fato de não ter o menor sabor de queijo.

Então, já que não faz sentido, vamos manter o nome tradicional, mas retirar o ingrediente que desaparece. 

Segue abaixo então uma receita super rápida e prática de uma Queijadinha sem queijo!

Ingredientes 
100 a 150g de Coco desidratado e sem açúcar (eu prefiro o flocado, mas com o ralado também funciona).
1 Lata de leite condensado

Modo de preparo
Coloque cerca de 3/4 do leite condensado em uma panela.
Preaqueça a mistura em fogo médio e adicione o coco, mexendo bem. 
Você precisa que a mistura forme uma massa consistente o suficiente para que quando você for fracionar a mistura em suas mãos, o leite não escorra, então agora, vá adicionando mais coco ou mais leite condensado, para atingir a consistência desejada
Forme bolinhas ou pirâmides, e coloque para assar, olhando atentamente de minuto em minuto (você precisa ficar muito atento pois pode queimar rapidamente). 
Quando elas ficarem delicadamente com tons de marrom caramelo nas extremidades, é porque já estão prontas. 

Fica a dica:
Esta receita pode ser facilmente adaptada para os diabéticos, já que o coco é sem açúcar e você pode substituir o leite condensado pela versão light. Mas fique de olho nas calorias pois mesmo assim, não fica tão light. Coloque pra assar em formas com um bom anti aderente, ou sobre papel manteiga untado com ainda mais manteiga, ou com o desmoldante que eu ja ensinei aqui no blog. ;)

SORVETE CASEIRO SAUDAVEL RAPIDO E MUITO PRATICO COM APENAS 1 INGREDIENTE!

RAPIDO PRATICO SOBREMESA CASEIRA

Que sorvete é uma delícia, e dependeeendo do tipo do sorvete, é até saudável, todos já sabemos. 

Hoje em dia existem aquelas marcas boas, que já fazem sorvete com até 70% de leite, o que é ótimo, mas ainda vale lembrar que os outros 30% ainda são gordura e açúcares que não fazem bem. 

E se eu te disser, que você pode fazer sorvete com a partir de 1 único ingrediente, extremamente saudável, no conforto do seu lar, com utensílios que você facilmente terá, e praticamente sem nenhum trabalho? 


E se eu te disser que de quebra, com essa receita deliciosa, você ainda vai economizar uma grana não só por ter um sorvete muito mais barato, mas por evitar o desperdício de alimentos da sua casa?


Vamos deixar de introdução e vamos ao ponto. Ou melhor, ao sorvete!

Pessoal, qualquer fruta, com aquela consistência mais cremosa quando amassamos, tipo banana, mamão, abacate, e até manga, pêssego... 

Todas essas resultam num incrível sorvete muito simples. 

Na verdade, tudo o que você tem a fazer é cortar a fruta em cubos médios, e colocar pra congelar. 

Assim que já estiverem bem congeladas, é só processar no processador, ou até mesmo no liquidificador, e servir logo em seguida, ou voltar para o freezer e servir quando você preferir!!!

A consistência fica como daqueles sorvetes de massa, ou de pote, ou de leite, depende da sua região o modo como você chama, mas já deu pra ter uma ideia, certo?

E você pode fazer com desde uma única fruta, ou até com a mistura que você achar mais bacana!

Este final de semana, eu testei com 4 bananas e meio papaya. E de quebra ainda acrescentei no processamento um pouco de mel pra deixar ainda mais docinho. Ainda mais atrativo para os pequenos!


E na hora de servir, ainda servi com granola, pra dar uma textura crocante deliciosa!


Sobre o sabor? Ahhh... Te digo que o sabor das frutas é muito mais presente e marcante do que em qualquer outro sorvete industrializado. 


Me arrisco a dizer que depois de testar, você dificilmente vai voltar a comprar sorvete industrializado para a sua casa!


Fica a dica:
O mel, ou qualquer outro tipo de adoçante, mesmo o açúcar, é dispensável se você estiver trabalhando com uma fruta madura, docinha. Mas já com frutas não tão doces, ai sim, um pouco de mel ou qualquer outro irá cair muito bem. 


Experimente o de manga! Também fica delicioso!



E quer um desafio? Que tal um falso sorvete de chocolate?

Basta você utilizar meio abacate com umas 4 ou 5 colheres de cacau em pó, e um pouco de açúcar, que eu sugiro o mascavo. O sabor do abacate some completamente, e fica um sorvete de chocolate dos mais cremosos e deliciosos que você já provou! Que tal? ;)

DESMOLDANTE CULINÁRIO CASEIRO - CHEGA DE UNTAR COM FARINHA!

desmoldante_caseiro_bolos
"Goop" ~ Homemade Pan Release.  Cheap, Easy and Effective!  You must try this recipe!
Foto Original: http://iambaker.net

Olha essa dica que bacana!

Todos sabemos que as assadeiras e formas mesmo com material anti aderente, quase sempre precisam de uma untada para garantir que o seu preparo não fique grudado em nenhum ponto.

Mas é muito pouco prático, e até acaba fazendo a maior sujeira seguir o método tradicional, com uma gordura (manteiga, óleo...) e farinha. Sem falar que mesmo assim, você ainda corre o risco de um cantinho miserável ainda ficar grudado ao final da cocção, estragando a estética do seu preparo. 

Pensando nisso, pesquisei e encontrei uma técnica ninja, na gringa, que ensina a você criar uma pastinha anti aderente, que rende pra caramba, e você pode até guardar na geladeira por cerca de 2 meses bem fechada, que não estraga e estará sempre à sua disposição sem nenhum trabalho. Ah, e oferece um resultado bem melhor que o da farinha, por proporcionar uma camada muito mais densa entre a sua forma, e o alimento.

Vamos lá:

Ingredientes
·         1 Xícara de Farinha
·         1 Xícara de Gordura Vegetal (lá em casa vai na manteiga mesmo)
·         1 Xícara de Óleo de Canola

Instruções
    Coloque todos os ingredientes em um bowl médio, e misture bem com um fuê, ou até mesmo com as mãos. A mistura ficará bem cremosa.

              Armazene em um recipiente hermético na geladeira.

Quando quiser utilizar, espalhe a mistura por toda a sua forma ou assadeira com a ajuda de um pincel, broxa ou espátula

Fica a dica:
A receita foi utilizada com sucesso em todos os tipos de bolos. Entretanto, algumas pessoas sugeriram utilizar cacau em pó, no lugar da farinha, para bolos de chocolate.Geralmente eu não aconselho deixar os bolos esfriarem nas assadeiras e formas em que foram assados. Eles podem não soltar tão bem.Seja generoso com a pasta.Armazene na geladeira. Quando você deixar na geladeira por um período muito longo, a mistura pode parecer "desagregada". Se isso acontecer, simplesmente misture tudo novamente antes de utilizar. Dizem que pode durar até 5 meses, e outras pessoas dizem que a partir de 2 meses, pode ficar com cheiro forte e criar alguns fungos. Na dúvida, 2 meses no máximo, e então prepare um novo, afinal é muito simples e barato, certo?A ideia de utilizar com óleo de canola é muito boa. Em recentes pesquisas, constataram que o óleo de canola chega a ser melhor até que a maioria dos azeites, para o seu corpo. E ainda tem o benefício de ser de sabor bem neutro. Mas ainda há os mais radicais que acusam o óleo de ser um preparo sintético, a partir de transgênicos, e portanto desaconselham o seu uso. Siga o seu ponto de vista. E só pra deixar claro, a dica do cacau em pó ainda não foi testada, portanto, se ficar uma caca ou se ficar ótimo, deixe sua experiência em nossos comentários! ;) 

CHÁ DE HIBISCO

Milagroso?!




Oi pessoal, estou trazendo pra vocês mais informações sobre esse chá que ta na boca (literalmente) da galera que faz dietas e afins. 
De origem africana e asiática, a flor de hibisco utilizada para o preparo do chá possui o nome científico de Hibiscus Sabdariffa. Essa flor é diferente do conhecido hibisco de jardim, cujo nome científico é Hibiscus rosa-sinensis. O hibisco é normalmente usado nos chás através de suas pétalas.

Fui atrás para descobrir mais sobre ele e descobri vários benefícios que vou colocar abaixo:

1. Metabolismo acelerado, acelerado...
Emagrecer não depende apenas do que você come, mas também de como seu organismo funciona. Por isso, você precisa apostar em aliados termogênicos. E o chá de hibisco é um deles. Isto é, um alimento que aumenta a temperatura corporal, acelera o metabolismo e a queima de gordura. Ótimo, né?

 2. Adeus, gordurinhas!
Sim, ele também seca as gordurinhas. Foi o que mostrou um novo estudo realizado na faculdade de medicina da Universidade de Taiwan, na China. Os pesquisadores dividiram os voluntários em dois grupos: um consumiu extrato de hibisco, e o outro, uma substância de efeito placebo. No fim de 12 semanas, os participantes do primeiro grupo estavam 1,3 quilo mais magros, em média, que os do segundo. Houve principalmente a perda de gordura.

 3. Reduz as medidas da cintura e dos quadris
Como ele facilita a digestão, regulariza o intestino e também combate a retenção de líquido, logo você começa a sentir os benefícios nas roupas. Sabe aquela calça jeans ou roupa mais justinha que você ama, mas não consegue usar faz tempo? Então, depois de uma semana você já pode fazer o teste.

 4. Você diminui a retenção de líquidos
Outras substâncias (enzimas e mucilagens) presentes na planta agem em áreas diferentes. No estômago, facilitam a digestão; no intestino, impedem parte da absorção do carboidrato e da gordura dos alimentos; e nos rins, anulam temporariamente a ação do hormônio antidiurético, quando o organismo aproveita para se livrar do excesso de líquidos.

 5. Dá tchauzinho para a celulite
O que dá esse poder ao hibisco? Sobretudo a alta concentração de antocianina - pigmento da família dos flavonoides -, que tem ação antioxidante (tira boa parte dos radicais livres de cena) e anti-inflamatória (combate a inflamação das células, permitindo que elas voltem a exercer totalmente suas funções). Resultado: "O organismo deixa de acumular toxinas - substâncias inimigas que dificultam o emagrecimento", explica Lucyanna Kalluf, nutricionista funcional especializada em fitoterapia do Instituto Alpha de Saúde Integral, em São Paulo.

No entanto, apesar dos benefícios apresentados, a intoxicação por chá de hibisco é uma consequência de seu consumo excessivo, o que requer cautela por parte de quem ingere a bebida.

Como qualquer outra planta, o hibisco em chá pode causar toxicidade se for consumido em doses excessivas, pois tudo o que ingerimos precisa ser metabolizado e eliminado pelo fígado e rins. Quando consumida em grandes quantidades, esta bebida pode não ser totalmente eliminada pelo fígado, intoxicando, assim, o organismo. Além disso, por este chá ser diurético, seu consumo exagerado pode fazer com que a pessoa elimine muitos eletrólitos, a exemplo do sódio e do potássio, que estão presentes no sangue. Isso pode acarretar alterações de pressão e contração muscular. Sendo assim, se a pessoa já toma medicamento com essa finalidade, o efeito diurético do remédio pode ser potencializado, o que não é desejável.

Bom.. isso foi o que achei de interessante para trazer para vocês.
E não se esqueçam, não adianta tomar chá de qualquer coisa e não manter uma alimentação balanceada e exercícios físicos regulares, mas já sabemos disso né!! E consuma com moderação!

Bjos!!

COMO DIMINUIR SEU COLESTEROL SEM DIETA E SEM REMÉDIOS



Quem acompanha nosso blog, já deve ter lido, mas só pra explicar... 

Não somos médicos, nutrólogos, nutricionistas, nem nada relacionado ao tema. 

O que acontece, é que desde que estamos juntos, em todos os hemogramas lá estava a taxa de colesterol total da bonita, sempre nas alturas. 

E o engraçado é que já não consumíamos nada frito, sempre optamos pelos alimentos integrais, e carnes gordurosas não entravam em casa. Era puramente uma tendência genética. 

As taxas dela eram mais ou menos as seguintes (não sei se os parâmetros são os mesmos em todos os lugares):
-Desejável - Abaixo de 200
-Limitrofe - Até 220
-Elevado - Acima de 240

O dela sempre deu acima do elevado. Mas não muito. O último chegou a dar 330.

Neste tempo, passamos por vários médicos, não exatamente para acompanhar isso, e o consenso entre todos era que não estava tão acima a ponto de necessitar de remédios, e ela deveria lutar contra isso apenas com alimentação e exercícios físicos. E alguns ainda arriscavam algumas dicas, como ingestão diária de aveia, berinjela e tal. 

Ah, sim, passamos também por gastros, e nutricionistas.

Estes eram mais rígidos quanto a estas dicas. Já iam pra cartilha mesmo, com as dietas restritivas, e a exigência de exercícios. 

Nada resolveu. 

Não que estas dietas e que exercícios realmente não resolvam, mas ter que seguir um cardápio praticamente fixo, e fazer exercícios não era algo que ela conseguia manter. Até conseguia seguir por alguns dias, mas ai chegava o final de semana, e daí pra frente já desencanava e mandava a dieta pra casa do baralho. 

E sobrepeso também não era problema. Ela sempre foi magra, na casa dos 63 aos 67kg, então estas dietas indicadas APENAS para a redução do colesterol, não apresentavam resultados rápidos e inspiradores, como você ver o seu peso diminuindo. Fazer exames para confirmar a eficácia é uma coisa que leva até meses, então de incentivo não tínhamos praticamente nenhum. 

Aí, num certo dia, ela resolveu buscar a ajuda de um Nutrólogo. E aqui se iniciou nossa salvação. 

Com 6 meses de RA (reeducação alimentar), ela conseguiu atingir o Colesterol Total de 197!!! Ou seja, abaixo do desejável!

Há aqueles que dizem que dieta e RA são a mesma coisa, e há aqueles que entendem a diferença. Mas mesmo assim, o sentido da RA é muito amplo. E pra ela precisava ser algo mais específico. 

Basicamente, a diferença entre eles, é que dieta, é composta por etapas, metas, e prazos, com inicio, meio e fim. Já a RA não, ela é pra vida toda. Claro, que no caso da namorida, com pequenos ajustes ao longo do caminho.

E onde está o milagre que ela não havia encontrado em outras RA? 

Aqui chegamos aos pontos de ouro!

Pra começar, o sujeito pediu alguns exames, e com eles em mãos, pegou uma folha de sulfite com um Xerox de uma RA completa. Tudo o que uma pessoa comum pode comer, e seus horários. Mas nada de cardápio. Eram apenas os grupos de alimentos, e em cima disso, você estava liberado para comer o que estava afim. 

Aí veio aquela decepção de debutante apaixonada, tipo: "Ah você diz isso pra todas!".

Mas em cima disso, ele veio como um guarda de trânsito, com uma caneta riscando vários itens. 

Entre eles, algumas surpresas que com o tempo, descobrimos que eram os grandes vilões do problema dela. Tais como: Leite bovino e seus derivados (mesmo desnatado), e proteína animal (carnes) com exceção do peixe e do ovo. Ah, e também o adoçante. 

Bom, as carnes e o leite, dá até pra deduzir, apesar de surpreendente no caso do leite desnatado. Mas e o adoçante? Bem, segundo ele, é proibido, e no lugar dele, utilizara açúcar mascavo. O adoçante não engorda, mas aumenta a retenção de gordura. Quem diria!!!???

3 meses de acompanhamento passados, e ele perguntou a ela como estava seguindo as indicações, e quais eram suas "escapolidas". Ela confessou que sentia falta do frango. 

De fato, peito de frango era tão tradicional como arroz e feijão lá em casa. Ela adorava!

E ele então, disse que iria liberar que ela comesse carnes 1 vez por semana, mas que o bendito frango estava proibido. Que comece vaca, e porco, além do peixe, mas que jamais o frango. Nem mesmo o peito!

Buscando mais informações, o que acontece é que o frango, além de contar com aqueles hormônios de crescimento que todos já sabem que têm, e fazem mal para nós, o frango ainda tem a gordura de pior densidade em nosso organismo. A mais difícil de se dissolver e ser eliminada, ou queimada. 

Mais 3 meses se passaram, 6 no total, e agora é que chegamos a aquele numero que eu falei. 197, menos que o desejável nos parâmetros do laboratório!

Tem também aquela contagem de HDL, que é o colesterol bom. Este nunca foi problema também, e seu nivel sempre esteve além do desejável. 

Resumindo... 

Restringir a proteína animal e escapar apenas 1 vez na semana (menos frango!). 
Cortar o adoçante, e preferir o açúcar mascavo.
Comer de 3 em 3 horas. 
Nas refeições (lanche) da tarde e noite, frutas sempre cítricas. 
Carboidratos integrais no almoço a vontade, sem limites, mas a noite, proibido.
Cereais diversificados e castanhas a vontade. 

Este foi o milagre!

O resultado têm sido tão legal, que até aquelas 3x de exercício por semana ela tem feito. Não ama! Mas faz. Está até tentando me acompanhar na corrida!

Neste período, contamos também com a ajuda de uma nutricionista, medindo outros parâmetros físicos como peso, diâmetros e índices corporais diversos. A cada 15 dias. Nos primeiros, não fomos tão bem, mas nos últimos, sucesso!

Se alguém ficou curioso e quiser saber mais detalhes, ou a indicação dos profissionais, deixem um comentário que eu repasso com o maior prazer!


Fica a dica:

Este post é apenas um case de sucesso, com algumas curiosidades, e não deve ser seguido como parâmetro para todos com, ou sem problemas. Procure sempre um profissional! Mas fique por dentro e discuta com eles estas informações! ;)


ALMONDEGAS DE RICOTA COM ESPINAFRE



Que tal as almondegas mais lights que você já comeu na sua vida???

Almondegas macias, gostosas, saborosas, e saudáveis? 
Sim.. essas são!

É... decepciona na primeira garfada, aqueles que esperam aquele sabor de carne suculenta... da aquele choque, mas logo você se sente novamente no limbo do prazer com o sabor dessa versão mais light das bolotas italianas. 

Confesso que a receita que vou descrever não é exatamente a da foto. 
Senti que algumas coisas poderiam melhorar, então a receita que segue já seria um upgrade, ou uma versão 2.0 melhorada, do que já ficou deliciosamente gostoso, como vocês podem ver na foto.

Pra não fugir da proposta, servimos com talharim de abobrinha, que nada mais é do que a abobrinha passada pelo descascador de legumes, e refogada no azeite com temperos básicos, e molho pronto com um pouco mais de cebola bem picada, e uns tomates picados, só pra ficar com mais sabor, e mais rústico, sabe?! 


Ingredientes:
500gr de Ricota fresca.
300gr de Espinafre bem picado
2 ovos
Aveia em farinha ou em farelo. 
Temperos a gosto. 


Modo de Preparo:
Processe ou amasse toda a ricota, e acrescente o espinafre ja cozido, e muito bem escorrido, picadinho. 
Acrescente também todos os demais ingredientes, menos a aveia. 
A aveia vai ser a responsável por dar uma liga melhor para sua almondega. O ovo já dá uma liga em tudo, mas a aveia vai garantir que ela não desmanche durante o preparo. 
Misture tudo, por aproximadamente uns 3 a 5 minutos, e então comece a acrescentar a aveia até obter uma massa mais densa.
Molde suas almondegas.
Duas coisas que eu não fiz, mas poderia fazer, é acrescentar na massa algum tipo de queijo que derreta, ou mesmo como recheio, e também poderia empanar com ovo e farinha de rosca, ou melhor ainda, ovo e chia. Daria aquele aspecto marrom mais escurinho sabe? Tipooo uma fritura. 
Grelhe as almondegas em um fio de azeite até dourar, e depois mais 15 minutinhos de forno.

E estão prontas as almondegas mais lights que você ja comeu na sua vida!!!


Fica a dica: 
A ricota pode deixar o prato um pouco arenoso, portanto, dê preferencia para preparar estas almondegas acompanhando pratos com molho!
E como tempero, saia do básico para o prato ter mais vida! Quem sabe cúrcuma, curry, páprica....  ;)


SORVETES CASEIROS LIGHT COM APENAS 1 OU 2 INGREDIENTES


Já pensou, se neste calor em nível record que estamos passando, pudéssemos nos refrescar com sorvetes sem culpa em nossa consciência nutricional?

Todos sabemos, ou deveríamos saber, que 99,9999...% dos sorvetes vendidos em mercados comuns, e da maioria das sorveterias, contém uma quantidade gigantesca de gordura. Eles utilizam para baratear o custo ao mesmo tempo que oferecem a textura que procuramos. 
Mas gordura, com qualquer sobrenome, e em qualquer temperatura, é gordura! Certo?

Então, se eu te contasse que você pode fazer, com apenas 1 ou 2 ingredientes e uma praticidade imensa, sorvetes caseiros pra você saborear sem culpa... Por que não tentar?

Fiz uma seleção de alguns tipos, mas utilizando estes conceitos, e com um pouco de criatividade, você pode desenvolver muitos outros tipos e sabores. Inclusive misturá-los!

Vamos então para as sugestões:

Sorvete de Banana


Ingredientes:
Banana bem madura (quantidade ao seu gosto e gula)

Modo de preparo:
Descasque e corte as bananas em pequenas porções, e coloque no freezer ou congelador, por no mínimo 4 horas. 
Bata as bananas congeladas num processador, ou no liquidificador mesmo se você não tiver o processador. E pronto!


Fica a dica: Sirva com mel e granola... substituindo as tradicionais e açucaradas caldas, castanhas, e demais guloseimas. ;)


Sorvete de Manga

Ingredientes:
Mangas maduras (quantidade ao seu gosto e gula)

Modo de preparo:
Descasque e corte a manga em pequenos cubos (pela internet você encontra zilhões de métodos bacanas para descascar e retirar a polpa da casca e semente). Coloque no freezer ou congelador por no mínimo 4 horas. 
Bata as mangas congeladas num processador, ou no liquidificador mesmo se você não tiver o processador. E pronto!

Fica a dica: Sirva com leite.. OPA!! Não não, brincadeirinha, sirva com folhas de hortelã, e kiwi! O kiwi é levemente azedo, e vai contrastar perfeitamente com a doçura e cremosidade da manga! ;)


Sorvete de Abacaxi

(Inspirado no Disney´s Dole Whip)

Ingredientes:
1 Abacaxi
1 Copo de leite de coco

Modo de preparo:
Descasque e corte o abacaxi em pequenos cubos, e coloque no freezer ou congelador por no mínimo 4 horas. 
Bata o abacaxi com o leite de coco no processador, ou liquidificador mesmo se você não tiver o processador. E mais uma vez, Pronto!!!

Fica a dica: Sirva com folhas de hortelã e fatias de um abacaxi bem doce! ;)

E fica a dica final:
Como já disse, utilize sua criatividade e estas técnicas pra criar e misturar os ingredientes de sua escolha, sempre prezando pelo lado prático e light da ideia! Mas procure também sempre caprichar na apresentação da porção, acrescentando algum acompanhamento ou decoração, pra que a fruta, ou o ingrediente em questão, tenha aquela cara de sobremesa gostosa... Afinal, parece até que nosso corpo é programado pra encontrar muito mais prazer no que não nos faz tão bem, do que em alimentos mais saudáveis. Bora trabalhar nisso!!!

Curiosidade:
Você sabe a diferença de Sorvete, Sorbet, e Gelato?
Sorvete é feito basicamente de leite, gordura, ar, e açúcar. É considerado um campeão em calorias, entre as sobremesas geladas. 
Gelato já é mais light se comparado ao sorvete. Feito com leite desnatado, menos gordura, e menos açúcar, e servido em uma temperatura maior do que o sorvete, o que dá uma acentuada no sabor. 
Sorbet já é sem lactose, e baixa caloria, basicamente com água congelada, purês de frutas ou outro, e geralmente aromatizados com alguma bebida. 

ÁGUA NA BOCA - DOCES CASEIROS, HISTORIA E CURIOSIDADES



E aquele doce caseiro, feito com todo o carinho que nossas avós e tataravós faziam, inclusive nos mesmos moldes e processos?
Aquele doce feito com ingredientes naturais, no fogão a lenha, e sempre fresquinho, com aquele cheiro e gosto de doce do sítio, bem roots, sabe?!

Hmmmm... Já dá Água na Boca só de imaginar...

Pensando nisso, logo lembrei do meu amigo Bueno ( Facebook ),

que além de meu cliente de Informática e Tecnologia a tantos anos, também é o empresário e um dos sócios por trás dos doces Água na Boca.


Confesso que ainda não visitei a fábrica, mas sou cliente, e já pude provar alguns de seus produtos, que são bem variados, e posso garantir que cada um valeu a pena.
Ahh!... E tem também nas versões Diet!

A Água na Boca - Doces Caseiros, é uma empresa que produz doces no tradicional fogão-à-lenha e pasteurizados artesanalmente.
Fundada em 2007 pelos sócios familiares Hosana de Lima (in memorian), Adriana Carvalho, e Bueno de Carvalho, têm em seu princípio básico e mais importante, agregar bons momentos de nossa infância e resgatar as tradições familiares.

Quer uma sugestão?
De todos os que já provei, o de Abóbora com Côco e o de Brigadeiro são os meus prediletos.
É um tiro certo naquela vontade repentina por um doce, ou para levar de presente em algum almoço, café, ou jantar que você for convidado.

Os doces podem ser adquiridos pelo site http://www.aguanabocadocescaseiros.com/ e também pela página oficial do Facebook - Doces - Água na Boca.
São entregues em tempo mínimo, com todo cuidado, e com a qualidade garantida pelos sócios.

Abaixo seguem mais fotos dos doces e do processo todo.

Fica a dica:
Você sabia que o fato de você gostar, ou não, de doces, pode ser um indicativo da sua personalidade?
É isso o que diz um estudo feito em conjunto por pesquisadores da North Dakota State University, Gettysburg College e Saint Xavier University, nos Estados Unidos.

Segundo a pesquisa, publicada no "Journal of Personality and Social Psychology", pessoas que gostam e consomem doces são mais propensas a ajudar outras em necessidade e serem mais amáveis do que aquelas que não gostam muito de comer guloseimas adocicadas.

Você concorda??? ;)









Scroll to top