COMO FAZER CERVEJA ARTESANAL


Esta é uma dúvida muito comum nos dias atuais. 

Antigamente, as pessoas não tinham tanto interesse na arte de fabricação de cerveja artesanal. 

A razão para isso é provavelmente porque se imaginava que fosse impossível reproduzir simplificadamente, em um pequeno espaço como a cozinha da sua casa, a fabricação de uma cerveja de boa qualidade, mas com a popularização das Cervejas Artesanais, e a facilidade de networking com artesãos experientes e graduados, tornou-se uma boa ideia. 

Hoje em dia, existem no mundo todo, milhares de micro cervejarias, que ainda utilizam métodos artesanais, inclusive no Brasil. E ainda existem outros tantos milhares, que fabricam cerveja nas cozinhas de suas casas, como este que vos escreve. 

Eu fabrico com mais 2 amigos, uma cerveja que leva muito carinho em cada detalhe, investimento financeiro e de mão de obra, e em breve farei aqui a divulgação da nossa marca. 

Confesso antecipadamente, que ainda sou extremamente inexperiente, e ainda estou maturando o meu segundo lote, mas já estudei bastante e posso descrever aqui um resumo do processo simplificado, como o que eu utilizo. 

Basicamente, você inicia todo o processo, aquecendo alguns litros de água, em temperatura controlada, e vai adicionando os ingredientes (lúpulo, malte, especiarias, fermento), cada um em sua temperatura e tempo de cocção. 

Após esta etapa, você armazena sua cerveja geralmente em baldes alimentícios (aqueles comuns nos Mercadões, de 20 litros) com algumas adaptações simples, e deixa sua cerveja fermentar, e então maturar, por alguns dias. 

Assim que encerrar o período de maturação, você deve esterilizar as garrafas, e envaza-las com sua cerveja e prime (açúcar ou açúcar invertido). 

Este prime é que vai gaseificar (carbonatar) a sua cerveja. Diferente dos métodos industriais, onde o carbono é acrescentado ao líquido já pronto. 

Essa etapa de gaseificação (carbonatação) leva ainda cerca de 20 dias, e apenas então sua cerveja estará pronta para ser degustada. 

Nossa, mas simples assim?

Pelo contrário. 

As medidas de cada ingrediente precisa ser incluída com precisão máxima, assim como o controle da temperatura na hora da inclusão de cada ingrediente, e ainda mais importante, o controle de temperatura durante os períodos de fermentação, maturação e carbonatação. 

Os períodos de cada etapa, assim como suas temperaturas, varia muito de acordo com qual tipo de cerveja que você esta fabricando, o tipo do fermento... 

E ainda existem alguns utensílios indispensáveis como Densímetro (para saber o teor da sua cerveja), termômetro, balança de precisão, airlock (dispositivo para auxiliar em uma fermentação sem contaminação), entre outros muitos. 

Mas não se desanime assim tão fácil. 

Você não precisa necessariamente ter tooodos os ingredientes para começar a sua brincadeira. Existe na internet, empresas que vendem kits básicos, em que os ítens básicos mais raros, já estão inclusos, junto com os ingredientes e um pequeno manual com um método básico de preparo e sua receita. 

Estes kits são extremamente limitados, e não acompanham os utensílios mais avançados, mas já da pra você começar a entender na prática como funciona, desenvolver seus próprios métodos, filtrar seus futuros investimentos, e sentir o sabor de uma cerveja artesanal feita por você mesmo. 

Fica a dica:
Se você for se arriscar e ainda não sabe exatamente como será vou te dar mais algumas dicas básicas: 
Você não precisa de muito espaço, na verdade consegue fabricar em qualquer tamanho de cozinha, mas a higiene é fundamental. Qualquer bactéria pode arruinar todo o processo. 
Utilize máscaras, luvas e tocas. 
Esterilize as garrafas com Álcool 70%, higienize-as com Iodofor, e retire facilmente os rótulos existentes deixando-as por 24 horas de molho em água com sabão em pó. 

Se você mora em regiões mais frias, não se preocupe tanto com o controle rígido de temperatura em sua primeira tentativa, mas se você mora em regiões mais quentes, já prepare em sua geladeira o espaço para um balde alimentício.

Faça na ausência da sua esposa, sogra, mãe, irmã... Pelo simples motivo que você pode fazer uma certa bagunça e sujeira na primeira etapa do processo. 
Não se aventure a incluir seu toque especial nas primeiras receitas, e siga as instruções a risca. 

Faça por hobby, você dificilmente fará parte daquele 1% que ficará milionário com isso. 
Convide seus amigos para a produção, toda ajuda será bem vinda.
Divida o resultado com seus amigos. Compartilhe sua cerveja. Ela pode estar pior que uma Schin, mas você semeará pontos de amizade pelo gesto, e não pelo produto, além de obter um excelente feedback. :)

Nenhum comentário :

Deixe uma resposta

Scroll to top